Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

MP pede prisão preventiva do youtuber são-caetanense Raulzito por estupro de vulnerável

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


24/08/2021 | 11:10


O influenciador digital e youtuber Raulino de Oliveira Maciel, natural de São Caetano, foi denunciado por estupro de vulnerável pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, segundo informações do jornal Extra. O MP ainda pediu a prisão preventiva dele, que está detido graças a um mandado de prisão temporária expedido pela 4ª vara criminal de Niterói.

Ele teria cometido abusos sexuais contra duas crianças, de dez e 11 anos de idade, por pelo menos quatro vezes, na residência de uma delas, em Niterói (RJ) e São Caetano (SP). Outros sete casos suspeitos foram denunciados em São Paulo, Paraíba e Santa Catarina.

A polícia teria comprovado em uma investigação que o gamer fazia contato com os pais das vítimas por meio das redes sociais e, após ganhar a confiança deles, cometida o abuso em seu estúdio, que fica em São Paulo. Os crimes ainda conteciam na residência das vítimas, já que Raulzito se hospedava nos locais com a permissão dos pais das crianças.

Raulzito tinha dois canais de games no YouTube, onde aparecia com chamados talentos mirins. Em uma das contas, ele tinha mais de 200 mil inscritos e contava com uma marca de 1,8 milhão de visualizações. Na Twitch, plataforma de transmissão de games, ele tinha cerca de 120 mil inscritos. O youtuber ainda fez parte do quadro de streamers do SBT Games no início do ano. Caso seja condenado, ele pode pegar uma pena que varia de oito a 15 anos de reclusão.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;