Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

‘Sommeliers da vacina’ podem se imunizar contra Covid em São Bernardo e São Caetano

Celso Luiz/ DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Cidades mandaram para o fim da fila 257 pessoas que tentaram escolher a marca dos fármacos


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

20/08/2021 | 00:36


Com o fim da imunização da população adulta contra a Covid, os 126 moradores de São Bernardo e 131 munícipes de São Caetano que tentaram escolher qual imunizante contra a coronavírus queriam receber vão poder, enfim, se proteger contra a Covid. As duas cidades foram as únicas do Grande ABC que adotaram punição de colocar no fim da fila os chamados sommeliers de vacina.

De acordo com a Prefeitura de São Bernardo, “todos que estavam no fim da fila tiveram os CPFs desbloqueados para novos agendamentos a partir do dia 14, quando a cidade realizou mutirão de 24 horas de imunização da população adulta”. O município passou a punir quem queria escolher o fabricante do imunizante no dia 1º de julho.

Já em São Caetano, as 131 pessoas que assinaram o termo de recusa terão o CPFs desbloqueados hoje. De acordo com a Prefeitura, o grupo poderá procurar o Centro de Imunização (Rua Goitacazes, 301, no Centro), de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h. Levar documento com foto e comprovante de endereço.

De acordo com os especialistas, escolher o fabricante da vacina não faz sentido. “Todas as vacinas são diferentes, como era esperado, mas todas têm alta eficácia contra a forma grave da Covid. Todas são extremamente eficazes com o esquema completo e o risco de falha é muito baixo, além de serem muito seguras”, explicou o diretor da SBIm (Sociedade Brasileira de Imunizações), Renato Kfouri. “Aqueles que escolheram a vacina fizeram a pior escolha, que é não se vacinar. Adiar a vacinação num cenário de alta circulação do vírus significa se colocar em risco e colocar em risco a família. É um grande equívoco escolher a dose”, acrescentou.

CAPITAL
Na cidade de São Paulo, 2.167 pessoas que tentaram escolher o fabricante da vacina e foram para o fim da fila. A partir de hoje esse grupo também pode procurar os postos de saúde para ser protegido do coronavírus. Para se vacinar, é necessário levar um comprovante de residência na Capital, juntamente com os documentos pessoais, preferencialmente CPF e cartão do SUS (Sistema Único de Saúde) ao posto de vacinação. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;