Fechar
Publicidade

Sábado, 23 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

São Paulo tenta driblar o desânimo contra o Inter


Das Agências

05/10/2005 | 08:43


O confronto com o Internacional deixou de ter a mesma importância para o São Paulo após a anulação das 11 partidas apitadas por Edílson Pereira de Carvalho. Antes, enfrentaria o líder do Campeonato Brasileiro, mas agora, o Tricolor entra nesta quarta-feira no gramado do estádio Beira-Rio, às 21h50 (TV Record), em busca de mais três pontos e manter vivo o sonho do título brasileiro. O São Paulo, com dois jogos anulados, está com 38 pontos. Já o Inter, que teve apenas uma partida cancelada, está com 49 pontos (quatro a menos que o líder Corinthians).

Mesmo assim, o técnico Paulo Autuori não se ilude com o provável abalo emocional dos gaúchos e crê em dificuldades para o jogo de quarta-feira. "A qualidade do Inter permite separar as coisas e trabalhar bem", disse. Porém, o maior destaque do São Paulo é o atacante Christian, revelado pelo Colorado e até hoje um dos ídolos do clube. A torcida o chamava de Jesus Christian. Atualmente, o centroavante sabe que a recepção não será nada carinhosa. "Agora, estou mais para Judas do que para Jesus Christian", brincou o jogador, que deve ser hostilizado até pela própria família. "Meus pais e quase todos os meus familiares torcem para o Internacional", contou.

Além da oportunidade de voltar a atuar em Porto Alegre, o centroavante festeja seu bom momento no São Paulo: fez cinco gols nos últimos cinco jogos. Se voltar a marcar, iguala o recorde pessoal de 1999, quando defendia o próprio Internacional.

A novidade do Tricolor será o retorno do zagueiro Alex, ex-Santo André, no lugar de Diego Lugano, com a seleção uruguaia. No duelo de Porto Alegre, os paulistas tentam quebrar a série de três jogos sem vencer os gaúchos este ano: são duas derrotas e um empate.

Fúria gaúcha – Acostumado a escalar a equipe com três zagueiros, o técnico Muricy Ramalho vai ter de mudar o esquema do Internacional para buscar a vitória e não deixar o Corinthians se distanciar na liderança do Nacional. Para o confronto com o São Paulo, os gaúchos não vão contar com a zaga titular. Wilson e Índio, lesionados, e Bolívar e Vinícius, suspensos, desfalcam a equipe. Esta é o principal motivo pelo qual Muricy optou pelo 4-4-2. Edinho e Ediglê começam como titulares.

As ausências não ficam restritas apenas ao setor defensivo. O volante paraguaio Gavilán e o atacante colombiano Rentería foram convocados para defender seus países nas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo da Alemanha, em 2006. Os desfalques abrem chance para o meia Márcio Mossoró, ex-Paulista de Jundiaí, que fará sua primeira partida como titular desde que chegou à equipe, no mês passado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;