Fechar
Publicidade

Sábado, 16 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Munícipes são contra
legalização de pancadão

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Prefeito quer oficializar evento; vizinhos do local mostram preocupação com ‘arruaça’


Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

14/08/2021 | 00:11


Moradores de Rio Grande da Serra se mostraram contrários à ideia do prefeito, Claudinho da Geladeira (PSDB), de querer legalizar pancadões na cidade, assim como o Diário mostrou na edição de ontem. 

Munícipes mostraram preocupação com a possibilidade de que um evento oficializado pela administração possa degradar quem mora no bairro Santa Tereza, local onde o chefe do Executivo afirmou que receberia o pancadão. O terreno apontado por Claudinho da Geladeira e onde poderiam acontecer as festas fica ao lado do Estádio Municipal Teixeirão, na cidade.

Para o morador e ator Billy Bartholomeu, 38 anos, a ideia de um evento que remeta à cultura tem aspecto positivo, mas o munícipe defende que o prefeito deveria ter realizado debate junto à sociedade. “Qual foi a discussão que ele fez? E o principal, só acredito na arte se ela estiver passando alguma mensagem. E qual é a mensagem que o pancadão legalizado vai trazer para a cidade de Rio Grande da Serra?”, questionou o ator.

Quem também demonstra bastante preocupação com a legalização do pancadão é o analista de logística Ronei Pina, 39. O homem, que é morador do bairro Santa Tereza, aponta que os eventos podem atrair “arruaça”. “Pelo que vi, ninguém na cidade está de acordo com esse pensamento do prefeito. Acredito que ele tem que se importar com coisas mais importantes, como a saúde na cidade, por exemplo”, afirmou.

Claudinho da Geladeira afirmou que pretende legalizar pancadões na cidade em live veiculada em seu perfil oficial em uma rede social. Enquanto explicava como poderia funcionar o evento e caminhava pelo terreno que deverá receber as festas, moradores que acompanhavam a transmissão criticavam a medida. O grande medo dos munícipes é que o pancadão atraia violência, abuso de drogas e sujeira. A administração sustenta que haverá fiscalização, policiamento e que os interessados em participar das festas deverão se inscrever previamente.

“Não entendo por que o prefeito está pensando em fazer isso. Pancadão não é legal em local nenhum. Atrai muita coisa errada”, comentou a moradora do município Edna Gonçalves Pereira, 44. 

Conforme o vereador Claudinho Monteiro (PTC), que é um dos opositores à gestão de Claudinho da Geladeira, a ideia do prefeito é “absurda” e que, caso chegue algum projeto na Câmara, a propositura não “passaria”. “O prefeito não fez qualquer tipo de debate. Acredito que não há chance para que um projeto absurdo como esse seja aprovado pela Câmara”, declarou o parlamentar. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;