Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 21 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Uma ofensa à região


Do Diário do Grande ABC

04/08/2021 | 23:59


São Bernardo não honra os pagamentos que deveria efetuar junto ao Consórcio Intermunicipal do Grande ABC desde 2019. E, sem outra opção, a entidade regional deverá nos próximos dias cobrar na Justiça a dívida acumulada, que supera a marca de R$ 7,8 milhões.


Montante que vem fazendo falta para o colegiado, que já precisou cortar pela metade os repasses que faz a instituições parceiras, como a Casa Abrigo, escola da GCM (Guarda Civil Municipal) e a Funcraf (Fundação para o Estudo e Tratamento das Deformidades Crânio-Faciais), sendo que os dois últimos se localizam justamente no município que não está cumprindo com suas obrigações financeiras.


A administração Orlando Morando adota a linha ‘devo não nego’, mas não demonstra disposição de pagar. Diz que repasses foram interrompidos em atendimento a solicitação da Câmara após acordo para que cidades vizinhas pudessem parcelar débitos em 200 vezes. Além disso, aponta o dedo para outras prefeituras que também estariam em atraso.


Sob orientação do Tribunal de Contas do Estado, o Consórcio tem de seguir algumas etapas para cobrar a dívida. Ofícios para informar o valor do débito e buscar um acordo foram enviados, mas solenemente ignorados pela gestão Morando. Assim, a entidade se vê obrigada a recorrer à Justiça.


É sempre bom lembrar que em 2017, quando Morando era o presidente da entidade, dívida de Diadema foi encaminhada à execução. Naquela época, Lauro Michels, desafeto do tucano, estava à frente do Paço diademense, o que resultou na saída do município do grupo.


Agora, em situação oposta, Morando desvia o foco em direção aos colegas, lembrando que no período em que liderou a entidade, Santo André ficou dois anos sem efetuar pagamentos.


Atraso nos acertos de contas é situação que pode ocorrer. Esconder-se atrás de subterfúgios para, deliberadamente, deixar de pagar é muito mais grave. É uma ofensa aos demais prefeitos do Grande ABC. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;