Fechar
Publicidade

Sábado, 18 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Atila inicia diálogos por contas na Câmara


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

31/07/2021 | 02:00


As sessões legislativas no Grande ABC retornam na próxima semana e, em Mauá, o que deve movimentar a classe política local é a votação das contas do ex-prefeito Atila Jacomussi (SD) referentes ao exercício de 2017, primeiro ano de seu governo. O TCE (Tribunal de Contas do Estado) emitiu parecer pela reprovação, fato que adiciona dificuldade na articulação de Atila, que precisará de dois terços dos votos dos 23 vereadores para derrubar a indicação da corte e, assim, não correr risco de inelegibilidade – o ex-prefeito tentará ser deputado na eleição do ano que vem. Atila tem se reunido com os parlamentares da cidade para conversar sobre as contas. O que ouviu, até o momento, não é nada animador, mas o ex-chefe do Executivo mantém a esperança. O presidente da casa, Zé Carlos Nova Era (PL), vai pautar o assunto no dia 10 de agosto, o que dá menos tempo para Atila convencer a classe política.

Luto
Figura conhecida do meio político de São Caetano, Carlos Alberto Macedo dos Santos, o Alberto da Ótica (Podemos), morreu na madrugada de ontem, vítima de parada cardíaca, aos 57 anos. Em 2020, concorreu à Câmara, recebeu 848 votos. Nascido em Patrocínio do Muriaé, em Minas Gerais, o político também disputou os pleitos de 2004, 2008, 2012 e 2016, ficando sempre na suplência. O prefeito Tite Campanella (Cidadania), o ex-prefeito José Auricchio Júnior (PSDB), o presidente da Câmara, Pio Mielo (PSDB), e o deputado estadual Thiago Auricchio (PL), além de outros nomes da política local, lamentaram a morte de Alberto.

Corte
Presidente da Fundação Criança no primeiro mandato do prefeito Orlando Morando (PSDB) em São Bernardo, Samuel Gomes Pinto foi exonerado da função de diretor administrativo da autarquia. A portaria de demissão foi assinada pela atual presidente do setor, Laerte Soares de Almeida (viúva do ex-prefeito Maurício Soares). Morando vai extinguir a Fundação Criança.

Nomeações – 1
Ainda entre as nomeações no governo Morando, o prefeito deu início ao ingresso de indicados de vereadores no Paço de São Bernardo. O tucano confirmou a chegada de Mauricio Bacelar Bispo, que trabalhava com o vereador Mauricio Cardozo (PSDB), e Márcio Donizete Garcia, assessor de Jorge Araújo (PSD). Bispo será diretor da Secretaria de Esportes, com salário de R$ 8.415,87, e Garcia, assessor na pasta de Governo, com vencimentos de R$ 11.181,36.

Nomeações – 2
Outras indicações de vereadores estão programadas por parte do governo Morando. Terminado esse processo de depuração da base de sustentação, a classe política saberá com quem o tucano conta e com quem não conta para o restante do mandato e da estrutura de campanha à reeleição da deputada estadual Carla Morando (PSDB).

Pedido – 1
O vereador Leonardo Alves (PSDB), de Mauá, encaminhou ofício ao governo do prefeito Marcelo Oliveira (PT) pedindo que o Ginásio Celso Daniel, localizado atrás do Paço, seja utilizado como abrigo temporário em tempos de frente fria. O tucano diz que as atuais estruturas de acolhimento não atendem toda a demanda.

Pedido – 2
O tucano mauaense também permanece na batalha para convencer, via abaixo-assinado, o governo do Estado a retomar o auxílio financeiro para custear o Hospital de Clínicas Doutor Radamés Nardini. Segundo Leonardo, cerca de 15 mil moradores assinaram o documento.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;