Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 21 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

China: autoridades encontram investidores para acalmar mercado após regulações



29/07/2021 | 07:18


A China agiu para aliviar as preocupações dos investidores sobre a repressão às empresas listadas em bolsa nos Estados Unidos e novas regulações nos setores de tecnologia e educação. As autoridades do país asiático disseram a empresas financeiras globais que Pequim vai considerar o impacto no mercado antes de introduzir políticas futuras, disseram pessoas familiarizadas com o assunto.

O vice-presidente da Comissão Reguladora de Valores da China, Fang Xinghai, falou com representantes de bancos globais, incluindo Goldman Sachs e UBS, bem como algumas firmas de investimento na noite desta quarta-feira, de acordo com as fontes. O presidente do órgão que regula valores mobiliários, Yi Huiman, também esteve presente na reunião a portas fechadas em Pequim.

Após o encontro, e com uma série de artigos otimistas na mídia estatal, as ações de tecnologia chinesas listadas em Nova York e Hong Kong saltaram, ajudando a puxar os mercados mais amplos para cima e recuperando algumas de suas recentes quedas acentuadas.

Fang disse aos presentes na reunião que as recentes repressões regulatórias da China contra empresas envolvidas em aulas particulares, serviços financeiros online e outros setores visam resolver os problemas dessas indústrias e ajudá-las a crescer de maneira adequada, disseram as fontes. Ele garantiu que a China não tem intenção de se separar dos mercados globais, e especialmente dos EUA. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;