Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 22 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Inverno rigoroso


Do Diário do Grande ABC

27/07/2021 | 23:59


Os serviços de meteorologia indicam que o Grande ABC começa a sentir mais intensamente a partir de hoje os reflexos da chegada de massa de ar polar. A expectativa é que os termômetros registrem temperaturas muito baixas na sexta-feira, de 4ºC. O inverno rigoroso deve ser preocupação dos gestores municipais, especialmente no que diz respeito ao bem-estar da população de rua. Inexplicável e lamentavelmente, as prefeituras não possuem estatísticas confiáveis do número de pessoas que vivem nestas condições precárias nas sete cidades, mas passeio pelas áreas centrais é suficiente para comprovar que não são poucas. Sob frio intenso, como o esperado, a vulnerabilidade fica ainda maior.


Consultados pela equipe de reportagem do Diário, os municípios do Grande ABC, em sua maioria, dizem estar preparados para dar conta da demanda. É o que se espera, já que frio intenso mata. Temperaturas que cheguem próximo a 10ºC já são suficientes para gerar hipotermia em humanos, condição que se configura quando o corpo fica sem temperatura para trabalhar, comprometendo funções vitais. Moradores de rua, portanto, são as vítimas preferenciais do inverno. Exatamente por isso é que os departamentos de assistência social precisam estar em alerta durante as 24 horas dos próximos dias, especialmente nas madrugadas, para não deixar que haja mortos nas ruas das sete cidades.


Mais do que distribuição de cobertores, agasalhos e luvas para quem dorme sob marquises, bancos e viadutos, os assistentes sociais devem insistir em alternativa mais digna, qual seja, a do convencimento para que esses indivíduos deixem as ruas e se recolham a abrigos. Eis, aliás, setor que precisa ser menos negligenciado pelos gestores das sete cidades. A política de acolhimento deve ser perene, respeitando-se, evidentemente, o direito de livre escolha dos cidadãos. Sob frio intenso, todavia, os esforços têm de ser redobrados. Que os municípios consigam proteger os habitantes mais frágeis durante o rigor deste inverno – de tragédia, já basta a atuação nefasta do novo coronavírus. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;