Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 14 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Turismo

turismo@dgabc.com.br | 4435-8367

Estônia: uma bela aquisição da União Européia


Da AJB

12/05/2004 | 18:54


No último dia 1º, a Estônia passou a engordar a lista de países pertencentes à União Européia. A inclusão, que deve trazer a reboque a adoção do euro como moeda oficial, promete fermentar o turismo na região. Era a desculpa que faltava para quem quer conferir o pitoresco país báltico, repleto de castelos medievais, cidades antigas, florestas e praias de sonho.

Plantada ali, a meio caminho entre o leste e o oeste europeus, a Estônia tem proporções diminutas. Menor do que o Estado do Rio Grande do Norte, possui PIB (Produto Interno Bruto) inferior ao da Paraíba. As comparações, porém, estão longe de desmerecer o lugar. Ao contrário: só tornam a vasta gama de pontos turísticos e o generoso calendário de atrações ainda mais surpreendentes.

A menina dos olhos deste pequeno país é a capital, Tallinn. E não é para menos: às margens do Mar Báltico, ela transpira história, remetendo o visitante à era medieval. Tombada pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura) como Patrimônio Histórico, até hoje conserva parte da muralha de 3 m de espessura, 16 m de altura e 4 km de extensão que, no século XIII, serpenteava todo o perímetro da cidade. Atualmente, três torres e parte da muralha são abertas a visitação.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Estônia: uma bela aquisição da União Européia

Da AJB

12/05/2004 | 18:54


No último dia 1º, a Estônia passou a engordar a lista de países pertencentes à União Européia. A inclusão, que deve trazer a reboque a adoção do euro como moeda oficial, promete fermentar o turismo na região. Era a desculpa que faltava para quem quer conferir o pitoresco país báltico, repleto de castelos medievais, cidades antigas, florestas e praias de sonho.

Plantada ali, a meio caminho entre o leste e o oeste europeus, a Estônia tem proporções diminutas. Menor do que o Estado do Rio Grande do Norte, possui PIB (Produto Interno Bruto) inferior ao da Paraíba. As comparações, porém, estão longe de desmerecer o lugar. Ao contrário: só tornam a vasta gama de pontos turísticos e o generoso calendário de atrações ainda mais surpreendentes.

A menina dos olhos deste pequeno país é a capital, Tallinn. E não é para menos: às margens do Mar Báltico, ela transpira história, remetendo o visitante à era medieval. Tombada pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura) como Patrimônio Histórico, até hoje conserva parte da muralha de 3 m de espessura, 16 m de altura e 4 km de extensão que, no século XIII, serpenteava todo o perímetro da cidade. Atualmente, três torres e parte da muralha são abertas a visitação.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;