Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 27 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

O Brasil dos craques. A Seleção Brasileira de todos os tempos. E Friedenreich ficou na reserva

Nas últimas semanas, o Memofut fez uma viagem pela história do futebol brasileiro e chegou à sua seleção maior, sem espaço para os jogadores atuais


Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

24/06/2021 | 00:01


No levantamento da semana passada, pela enquete número 53 da quarentena, foram citados 28 jogadores e três técnicos. O professor Alexandre Andolpho Silva, que é o coordenador do Grupo Literatura e Memória do Futebol e responsável pela série de enquetes neste período de pandemia, sistematiza o resultado:

1 – Os jogadores mais votados foram Pelé, Garrincha e Nilton Santos (15 votos) e Gylmar (12). 

2 – A Seleção Brasileira de todos os tempos, na opinião do Memofut, tem a seguinte escalação (no esquema 4–3–3, adotado pela maioria dos participantes): Gylmar; Djalma Santos, Domingos da Guia, Bellini e Nilton Santos; Falcão, Didi e Pelé; Garrincha, Leônidas e Ronaldo. Técnico: Telê Santana. Oito dos 11 jogadores foram campeões mundiais pela Seleção.

3 – No recorte das seleções brasileiras por período, na Seleção titular há sete jogadores eleitos para a seleção de 1951 a 1970 (Gylmar, Djalma Santos, Bellini, Nilton Santos, Didi, Pelé e Garrincha), dois para a de 1931 a 1950 (Domingos da Guia e Leônidas), um para a de 1971 a 1990 (Falcão) e um para a de 1991 a 2010 (Ronaldo).

4 – A Seleção reserva ficou escalada da seguinte forma (no esquema 4–4–2): Leão; Carlos Alberto, Luís Pereira, Mauro e Roberto Carlos (Júnior); Zito, Gérson, Zizinho e Rivellino; Friedenreich e Romário. O coordenador optou por Roberto Carlos na lateral esquerda. Assim como na Seleção titular, oito jogadores foram campeões mundiais pela seleção.

5 – No recorte das seleções brasileiras por período, na Seleção reserva há três jogadores eleitos para a Seleção de 1951 a 1970 (Mauro, Zito e Gérson), três para a de 1971 a 1990 (Leão, Luís Pereira e Rivellino), dois para a de 1991 a 2010 (Roberto Carlos e Romário), um para a de 1894 a 1930 (Friedenreich) e um para a de 1931 a 1950 (Zizinho). Carlos Alberto não foi eleito nas seleções por período.

6 – Em 2014 o Memofut também elegeu uma Seleção Brasileira de todos os tempos, com nove jogadores coincidentes aos desta eleição: Gylmar; Djalma Santos, Domingos da Guia, Luís Pereira e Nilton Santos; Falcão, Didi e Pelé; Garrincha, Leônidas e Romário. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;