Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 28 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Mauá começa a vacinar quem tem entre 50 e 54 anos

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Cidade é a última na região a iniciar imunização dessa faixa etária; etapa inclui o estacionamento do Mauá Plaza Shopping como posto de imunização


da Redação

21/06/2021 | 15:30


A partir de amanhã, Mauá inicia a vacinação contra a Covid-19 de pessoas com idade entre 50 e 54 anos. As doses serão aplicadas nas 23 UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do município, das 9h às 16h. As exceções são as unidades de saúde Flórida, Magini e Zaíra 2, as quais têm horário estendido até as 20h apenas no primeiro dias de imunização desta nova faixa etária. Mauá foi a última cidade do Grande ABC a abrir a vacinação para essa idade.

Outras duas opções para os munícipes receberem a imunização é o Ginásio Celso Daniel (acesso pela rua Vitorino Dell''Antonia, no estacionamento de funcionários da Prefeitura), exclusivamente no sistema drive-thru, e o Mauá Plaza Shopping, que também terá drive-thru e a opção convencional (quem vai a pé). No caso das pessoas que preferirem ir de carro, o estacionamento do shopping será gratuito. O acesso é pela Avenida Antônia Rosa Fioravanti. Esses dois postos de vacinação, também vão funcionar das 9h às 16h, é somente nesta terça-feira para este grupo.

Segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde, foram aplicadas na cidade até esta sexta-feira, dia 18, 153.406 vacinas (110.040 da primeira dose e 43.366 da segunda).

O pré-cadastro no site Vacina Já (vacinaja.sp.gov.br) é obrigatório e fundamental, pois facilita e agiliza o atendimento e ainda reduz as chances de aglomeração nos postos. Somente podem ser imunizadas as pessoas que comprovem residência no município e apresentem CPF.

Com o lançamento da campanha ''Mauá na luta contra a fome'', qualquer pessoa pode doar um alimento não-perecível da cesta básica. Se puder, faça a doação após ser vacinado. Não é obrigatório, mas ajudará muito a quem não tem o mínimo para colocar na mesa.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;