Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 30 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Coop investe R$ 12 milhões na expansão de drogarias

Denis Maciel/Dgabc Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Objetivo é chegar a 91 unidades no Estado até o fim de 2021; 150 empregos serão gerados


Flavia Kurotori

18/06/2021 | 10:15


A Coop Drogaria, braço da Coop – Cooperativa de Consumo, fundada em Santo André, está investindo R$ 12 milhões para expandir as operações em todo Estado de São Paulo. Objetivo é ampliar das atuais 75 unidades, sendo que 19 foram inauguradas neste ano, para 91 até dezembro. Na região, foram cinco aberturas e mais uma está prevista para agosto, na Rua Carijós, em Santo André. A expansão irá gerar aproximadamente 150 empregos diretos.

Eduardo Pereira dos Santos, diretor executivo do negócio da Coop Drogarias, afirma que mais uma drogaria está sendo negociada no Grande ABC, mas ainda não é possível divulgar o local. “Acreditamos no nosso negócio, sabemos que é um momento difícil, mas entendemos que é passageiro e preferimos manter investimento e criar empregos. Não vejo melhor forma de cooperar com os associados do que gerar empregos”, assinala.

Parte das novas lojas é resultado da aquisição da operação de drogarias do Grupo Big, com foco na expansão para cidades do Interior como São José do Rio Preto e Presidente Prudente, e para a Capital. Nestes casos, a Coop abre drogarias dentro de mercados do grupo. Na próxima semana, unidade no Maxxi Atacadista de São José dos Campos inicia as operações. Trata-se de pontos estratégicos para fortalecer a marca no Estado.

PERFIL
Santos destaca que o comportamento do consumidor mudou na pandemia. Antes, o cliente costumava ir várias vezes ao mês, porém, para se prevenir da Covid-19, passou a ir menos, comprando mais itens. “Vemos o crescimento de prevenção com o aumento nas vendas de vitaminas. A Coop tinha planos e acelerou o lançamento de uma vitamina própria”, exemplifica.

Segundo o diretor executivo, a demanda por dermocosméticos também cresceu. O que fez com que a cooperativa investisse em dermoconsultoras para ficarem disponíveis nas lojas tirando dúvidas e dando dicas aos clientes. Além disso, a crise sanitária também acelerou a implementação do delivery, em funcionamento desde maio de 2020.

Em março, a Coop anunciou a primeira loja com operação 24 horas. A unidade selecionada foi a da Avenida Dom Pedro II, no bairro Jardim, Santo André. Santos aponta que o objetivo é que pelo menos uma drogaria por cidade funcione ininterruptamente. “Estamos ajustando a operação para que isso aconteça”, diz.

CRESCIMENTO
A Coop fechou 2020 com alta de 9,1% nas vendas (fornecimento bruto e distribuição) em relação a 2019, com faturamento total de R$ 2.618.168. Segundo a varejista, os números poderiam ser maiores. Porém, em razão da pandemia, houve retardo no repasse de aumento de preço dos produtos.

Criados especialmente para atendimento no período de pandemia, os programas digitais Coop Retira e Coop Entrega fecharam 2020 com cerca de 16 mil pedidos. Os canais de e-commerce tiveram crescimento de 700% em comparação com o ano anterior. Os investimentos ao longo do ano passado foram de aproximadamente R$ 60 milhões, menos de um terço do que era planejado para o período. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;