Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 27 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Partido Novo busca candidatura regional

O Partido Novo no Grande ABC se estrutura para lançar candidato a deputado federal, na esteira da confirmação do parlamentar federal Vinicius Poit


Raphael Rocha

18/06/2021 | 01:42


O Partido Novo no Grande ABC se estrutura para lançar candidato a deputado federal, na esteira da confirmação do parlamentar federal Vinicius Poit (Novo) em disputar o governo paulista no ano que vem. Poit tem raízes na região, embora sua atuação seja na Capital. E a sigla vislumbrou possibilidade real de emplacar nomes regionais – até porque o Novo foi bem em São Caetano (com o terceiro lugar de Mario Bohm ao Palácio da Cerâmica e a vitória de Thai Spinello à Câmara da cidade). A figura que deve estar nas urnas é o advogado e empresário Paulo Proieti, de Santo André. Recentemente Proieti fez uma live com Thai e admitiu que pretende ser candidato à Câmara Federal. A ideia é ter uma candidatura regionalizada, conforme planejamento de Tati Santiago, presidente do diretório de São Caetano, e Cesar Parluto, hoje diretor institucional do diretório estadual. “Pretendemos unir esforços, temos um bom recall de votos de 2018 e pretendemos aumentar este número na próxima eleição, a meta é entregar algo próximo a 100 mil votos”, discorreu Parluto. O Novo registrou 61.655 votos em candidatos da sigla ao Parlamento federal nas sete cidades em 2018.

Mesas opostas
Os secretários de Cidadania e Pessoa com Deficiência, Pery Cartola (PSDB), e de Assistência Social, André Sicco (Cidadania), almoçavam em uma cantina italiana na região central de São Bernardo quando avistaram o vice-prefeito e secretário de Serviços Urbanos, Marcelo Lima (PSD). Aliados do deputado federal Alex Manente (Cidadania), Pery e Sicco correram para uma mesa mais ao fundo do estabelecimento.

Viagem perdida? – 1
O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), publicou nesta semana que viajou para Brasília, em busca de investimentos na cidade. Ele aproveitou para participar da reunião da executiva nacional do PSDB, que discutiu sobre as prévias para escolha do presidenciável do partido no ano que vem.

Viagem perdida? – 2
Como suplente do diretório nacional, Morando vira e mexe participa da reunião em Brasília pela ausência de algum titular. Mas voltou da Capital Federal sem vencer. Aliado do governador João Doria (PSDB), o prefeito são-bernardense queria que as regras das prévias fossem alteradas para dar mais peso à militância na escolha do nome do tucanato. O pedido não avançou, o que foi classificado como derrota de Doria – e, de quebra, de Morando.

Divã em Diadema – 1
Durante a sessão ontem na Câmara de Diadema, vereadores fizeram autoanálise sobre os trabalhos da semana anterior, quando houve ruídos entre o presidente da casa, Josa Queiroz (PT), e o ex-secretário de Transportes José Carlos Gonçalves (Cidadania). As críticas entre os dois transcenderam a plenária, gerando rebuliço nos bastidores da política local.

Divã em Diadema – 2
Josa reconheceu que possa ter existido exagero em alguma das falas, mas que seu intuito nunca foi de atacar a pessoa. “Fiz comparações de gestão na área de transporte de Diadema. Fiz e continuarei fazendo. O Zé Carlos é uma pessoa por quem tenho um carinho e uma estima muito grandes. Tivemos oportunidade de disputar eleições do mesmo lado e de lados opostos. Ele teve coragem, assim como eu, de assumir um cargo público e deixou seu legado. Quero conversar com ele, porque me falaram que ele ficou chateado com as minhas declarações, e colocar uma pedra nisso.”

Contragolpe
Um dia depois de o prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), visitar o chefe do Executivo de São Caetano, Tite Campanella (Cidadania), o ex-prefeiturável são-caetanense Fabio Palacio (PSD) fez uma agenda com o secretário andreense de Segurança Pública, Edson Sardano (PSD). Na classe política de São Caetano, o encontro foi interpretado como tentativa de Palacio de minar discurso de afastamento dele e de Paulo Serra – além do encontro com Tite, o tucano andreense encaminhou a saída da publicitária Luciana Patara, do time de Palacio, do governo. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;