Fechar
Publicidade

Sábado, 31 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Bolsas de NY fecham sem sinal único, à espera do Fed



14/06/2021 | 17:41


As bolsas de Nova York fecharam sem sinal único nesta segunda-feira, em sessão marcada pela expectativa do mercado pela decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) na quarta-feira, 16. Ações de tecnologia tiveram alguns dos principais ganhos, com destaque para o avanço forte do bitcoin, que levou papéis ligadas à criptomoeda como Tesla e Coinbase a altas relevantes. O movimento foi suficiente para impulsionar S&P 500 e Nasdaq, que renovaram suas máximas históricas de fechamento.

O índice Dow Jones recuou 0,25%, em 34.392,75 pontos, o S&P 500 subiu 0,18%, a 4.255,15 pontos, e o Nasdaq teve alta de 0,74%, a 14.174,14 pontos.

As fortes acelerações econômica e inflacionária nos Estados Unidos devem ser reconhecidas pelo Fed na reunião de política monetária do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês), o que provocará mudanças nas projeções dos dirigentes da autoridade monetária americana, preveem analistas do Brown Brothers Harriman e do Bank of America.

Nesta segunda-feira, a distrital de Nova York do Fed divulgou pesquisa mensal sobre expectativas de consumidores em maio, que mostrou previsão de inflação a 4% no período de um ano, um aumento em relação à estimativa de 3,4% em abril. Trata-se do sexto avanço consecutivo.

Em um quadro de cautela, um dos destaques foi a Tesla, que subiu 1,28%, após o CEO da montadora, Elon Musk, afirmar que a companhia pode voltar a permitir transações com bitcoin. A criptomoeda chegou a retomar o nível de US$ 40 mil nesta segunda-feira, e a as ações da corretora Coinbase tiveram avanço de 6,78%.

Outro destaque foi a AMC, que nas últimas semanas voltou a ser alvo de movimentos especulativos de investidores varejistas. As ações da empresa dispararam 15,38% na sessão.

Em dia no qual a Novavax apresentou dados de eficácia de sua vacina contra a covid-19, as ações da empresa terminaram em queda de 0,94%. Já as ações da Pfizer, que tiveram alta na última semana devido a anúncios sobre os imunizantes da companhia, recuaram 1,30% nesta segunda-feira.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;