Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 21 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Metroviários adiam proposta de greve e devem fazer votação na semana que vem

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


12/05/2021 | 09:06


O Sindicato dos Metroviários de São Paulo adiou uma proposta de greve prevista para ter início nesta quarta-feira, 12. A paralisação foi suspensa por vontade da maioria da categoria, que realizou uma votação online na noite desta terça-feira, 11. Uma nova assembleia está marcada para o dia 18 de maio, com possibilidade de greve no dia 19.

Segundo o sindicato, 73,5% das 2.595 pessoas que participaram da assembleia decidiram aprovar uma proposta elaborada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT). O adiamento foi sugerido em reunião de conciliação da categoria com a Companhia do Metropolitano na tarde desta terça-feira.

A categoria deve continuar mobilizada, com uso de adesivos e coletes, e novas manifestações estão previstas. O sindicato protesta contra a proposta de reajuste salarial apresentada pelo Metrô, que é de 2,61% a partir de janeiro de 2022. "O Metrô fez uma proposta durante a reunião realizada em 11 de maio, que mantém o arrocho salarial e já foi rechaçada pelo sindicato", diz a representação da categoria.

A pauta inclui ainda um pagamento relativo à participação nos resultados de 2019, que segundo o sindicato está atrasado, além de questões relativas à progressão de carreira dos funcionários. "A negociação com o Metrô é muito interditada, difícil. A intenção é reduzir nossos direitos. A categoria que presta o melhor serviço público do País merece reconhecimento, não ameaças", disse o coordenador do sindicato, Wagner Fajardo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;