Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 21 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Cidades são incentivadas a investir em iluminação pública


Wilson Marini
Da APJ

06/05/2021 | 00:16


Novidade para os municípios em relação à iluminação pública. A secretaria estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente e as agências estaduais Investe SP e Desenvolve SP firmaram duas parcerias para avançar na implantação de eficiência energética no Estado. O convênio vai viabilizar a capacitação técnica e o financiamento de projetos que contemplem a instalação, ampliação ou adequação do sistema de iluminação pública em cidades paulistas. Além disso, foi assinado protocolo de intenções que busca a execução do Projeto Sistemas de Energia Solar Fotovoltaica em Prédios Públicos de São Paulo. Técnicos estaduais buscam reduzir os gastos com energia elétrica e descarbonização da matriz energética.

Energia solar
Um levantamento apontou que é possível abastecer 12.864 edificações próprias do Estado por energia solar, dentro do conceito de cidades sustentáveis e inteligentes, além de gerar economia mensal de R$ 12,5 milhões para os cofres públicos. Segundo o presidente do Desenvolve SP, Nelson de Souza, as ações do governo estadual estão alinhadas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – ODS da Agenda 2030 da ONU. O presidente da Investe SP, Wilson de Mello Neto, acredita que “o convênio e o protocolo de intenções renderão bons frutos para todos, especialmente para a política pública de energia limpa do Estado de São Paulo”.

Autonomia
A energia solar fotovoltaica contribui para o fortalecimento da segurança energética e autonomia elétrica de São Paulo, reduzindo a necessidade de importação de eletricidade de outros estados brasileiros. Promove, também, a postergação de investimentos para construção de novas usinas de geração e linhas de transmissão, alívio da operação do sistema em horários diurnos de demanda elevada e redução de perdas pelo Sistema Interligado Nacional.

Usinas no Interior
A GreenYellow, empresa francesa de soluções em energia, deve concluir até o final de 2021 mais três usinas solares fotovoltaicas no estado de São Paulo. As unidades estão sendo construídas em três municípios paulistas de diferentes regiões: Coroados, Riolândia e Presidente Epitácio. O investimento total na construção das usinas é de R$ 29 milhões. A GreenYellow implementou recentemente usinas em Penápolis e Barbosa. A empresa possui 46 usinas em operação ou construção no Brasil, onze delas no estado de São Paulo.

Atração de investimento
O grupo sul-coreano da área de tecnologia e energia sustentável DS Multimedia anunciou investimento de US$ 72 milhões na construção de uma fábrica de componentes eletrônicos para displays e uma unidade de montagem de equipamentos para sistemas fotovoltaicos em Araras, próximo a Rio Claro. Será a primeira unidade fabril da empresa nas Américas. Quando estiver em funcionamento, a planta paulista deverá gerar 1.500 empregos diretos. O sucesso da unidade de Araras pode ajudar a atrair outras empresas coreanas desse setor para São Paulo, diz o presidente da DS Multimedia, Kim Yong Hyun.

Inaugurações
A Sodimac Brasil inaugurou mais três lojas no formato Sodimac Dicico. As inaugurações simultâneas aconteceram na capital e nas cidades de Limeira e Santa Bárbara d’Oeste, próximo a Americana. A Sodimac conta com 53 lojas concentradas no Estado de São Paulo. A informação é do site New Trade.

Expansão
O Grupo Tonin acaba de anunciar a instalação de uma loja de atacado em Bebedouro. Será o primeiro modelo de superatacado a se instalar na cidade. Outras lojas serão construídas em Araraquara, Pirassununga, Porto Ferreira e Jaboticabal, além de um Centro de Distribuição em Jardinópolis para atender lojas do Estado de São Paulo. Com o investimento, o grupo espera crescer 50% a curto prazo.

De olho nos ferros-velhos
Fiação elétrica, cabos de cobre e tampas metálicas são alguns dos principais alvos da ação de ladrões em propriedades públicas e privadas. Projeto de lei na Assembleia Legislativa pretende dificultar a receptação e comercialização desse tipo de material no estado de São Paulo. De autoria do deputado Kenny Mendes (Progressistas), a proposta estabelece que as atividades de compra, venda ou troca de itens a base de metal nos ferros-velhos só ocorram mediante o preenchimento de cadastro.

Breves
? A produção da Bacia de Santos ultrapassou, pela primeira vez, 70% da produção nacional de petróleo.
? A Fapesp e a Braskem lançaram chamada de propostas voltada à seleção de parceiros para a constituição do Centro de Pesquisa em Plasticultura para desenvolver projetos de pesquisa que envolvam soluções plásticas em polietileno, polipropileno e PVC na produção rural.
? A agropecuária gerou no primeiro trimestre de 2021 um saldo positivo de 60.575 novos postos de trabalho no país, o melhor resultado para o período desde 2007.
? A Meritor Brasil possui atualmente um dos mais modernos laboratórios de ensaios do mundo, o LEM - Laboratório de Ensaios Mecânicos -, em suas instalações em Osasco, graças a investimento de R$ 2 milhões feito pela empresa no local.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;