Fechar
Publicidade

Sábado, 15 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Diadema reverte saída da unidade do IML

DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Paço anuncia decisão após reunião com Estado; atual prédio, no bairro Conceição, passará por reforma


Júnior Carvalho
Do Diário do Grande ABC

22/04/2021 | 20:22


O governo do prefeito de Diadema, José de Filippi Júnior (PT), cravou que o governo do Estado recuou e consentiu com a permanência do posto do IML (Instituto Médico-Legal) na cidade, cuja transferência havia sido comunicada no mês passado, como revelou o Diário. O martelo foi batido, segundo o Paço, em reunião realizada nesta quinta-feira (22) com o chefe da Secretaria estadual de Segurança Pública, João Camilo Pires de Campos.

Em nota conjunta com a secretaria estadual, a gestão petista anunciou a transferência temporária para o posto de São Bernardo de parte dos serviços que o IML presta na cidade enquanto viabiliza o início das obras para a reforma do prédio que atualmente abriga o equipamento, localizado no terreno do Cemitério Municipal, no bairro Conceição. “O serviço de perícia e corpo de delito, que representa cerca de 80% do trabalho do IML, continuará sendo realizado em Diadema às terças e quintas-feiras. A Prefeitura se comprometeu, no prazo de 15 dias, a viabilizar um espaço novo para o funcionamento temporário deste serviço durante a reforma estrutural do prédio, onde hoje está localizado o IML de Diadema e o serviço de verificação de óbito (SVO), que é coordenado pela Prefeitura. A reforma será responsabilidade da Prefeitura. O serviço de necropsia passará a ser realizado pelo IML de São Bernardo até que se conclua a ampla reforma estrutural”, divulgou o governo Filippi.

O governo do Estado já havia sinalizado que poderia voltar atrás na decisão de fechar a unidade em Diadema. Embora tenha comunicado antecipadamente à administração, a concretização da medida teria sido feita a fórceps e, segundo a gestão petista, na “calada da noite”. Após ampla mobilização apartidária, o Palácio dos Bandeirantes sinalizou pela permanência do posto em Diadema. A mudança no discurso ocorreu depois de protestos de quase todos os vereadores e da pressão dos deputados estaduais Márcio da Farmácia (Podemos), que tem base em Diadema, Carla Morando (PSDB-São Bernardo), Teonilio Barba (PT-São Bernardo), Thiago Auricchio (PL-São Caetano) e Emídio de Souza (PT-Osasco).

Nas redes sociais, Carla e Márcio, que participaram da reunião desta quinta-feira, confirmaram a permanência do IML em Diadema. A tucana, inclusive, se comprometeu publicamente a encaminhar emenda parlamentar para repasse de recursos visando o custeio das obras da reforma. “Foi acordado que a Prefeitura vai realizar uma reforma no imóvel, seguindo as orientações do Estado”, informou a parlamentar.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diadema reverte saída da unidade do IML

Paço anuncia decisão após reunião com Estado; atual prédio, no bairro Conceição, passará por reforma

Júnior Carvalho
Do Diário do Grande ABC

22/04/2021 | 20:22


O governo do prefeito de Diadema, José de Filippi Júnior (PT), cravou que o governo do Estado recuou e consentiu com a permanência do posto do IML (Instituto Médico-Legal) na cidade, cuja transferência havia sido comunicada no mês passado, como revelou o Diário. O martelo foi batido, segundo o Paço, em reunião realizada nesta quinta-feira (22) com o chefe da Secretaria estadual de Segurança Pública, João Camilo Pires de Campos.

Em nota conjunta com a secretaria estadual, a gestão petista anunciou a transferência temporária para o posto de São Bernardo de parte dos serviços que o IML presta na cidade enquanto viabiliza o início das obras para a reforma do prédio que atualmente abriga o equipamento, localizado no terreno do Cemitério Municipal, no bairro Conceição. “O serviço de perícia e corpo de delito, que representa cerca de 80% do trabalho do IML, continuará sendo realizado em Diadema às terças e quintas-feiras. A Prefeitura se comprometeu, no prazo de 15 dias, a viabilizar um espaço novo para o funcionamento temporário deste serviço durante a reforma estrutural do prédio, onde hoje está localizado o IML de Diadema e o serviço de verificação de óbito (SVO), que é coordenado pela Prefeitura. A reforma será responsabilidade da Prefeitura. O serviço de necropsia passará a ser realizado pelo IML de São Bernardo até que se conclua a ampla reforma estrutural”, divulgou o governo Filippi.

O governo do Estado já havia sinalizado que poderia voltar atrás na decisão de fechar a unidade em Diadema. Embora tenha comunicado antecipadamente à administração, a concretização da medida teria sido feita a fórceps e, segundo a gestão petista, na “calada da noite”. Após ampla mobilização apartidária, o Palácio dos Bandeirantes sinalizou pela permanência do posto em Diadema. A mudança no discurso ocorreu depois de protestos de quase todos os vereadores e da pressão dos deputados estaduais Márcio da Farmácia (Podemos), que tem base em Diadema, Carla Morando (PSDB-São Bernardo), Teonilio Barba (PT-São Bernardo), Thiago Auricchio (PL-São Caetano) e Emídio de Souza (PT-Osasco).

Nas redes sociais, Carla e Márcio, que participaram da reunião desta quinta-feira, confirmaram a permanência do IML em Diadema. A tucana, inclusive, se comprometeu publicamente a encaminhar emenda parlamentar para repasse de recursos visando o custeio das obras da reforma. “Foi acordado que a Prefeitura vai realizar uma reforma no imóvel, seguindo as orientações do Estado”, informou a parlamentar.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;