Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 14 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Submarino da Indonésia desaparece com 53 tripulantes



21/04/2021 | 12:24


Um submarino da Indonésia com 53 pessoas a bordo perdeu contato com a Marinha do país enquanto realizava manobras de treinamento nas águas ao norte da ilha de Bali nesta quarta-feira, 21. O Ministério da Defesa diz que o submarino perdeu contato após receber autorização para mergulhar. Segundo a mídia local, a Marinha acredita que a embarcação afundou em uma depressão a 700 metros de profundidade.

Hadi Tjahjanto, comandante das Forças Armadas Nacionais da Indonésia, disse à agência Reuters que o contato com o navio foi perdido na manhã de quarta-feira, e que navios de guerra estavam procurando águas a cerca de 100 quilômetros ao norte de Bali, uma ilha da Indonésia.

"Perdemos contato cedo, às 3h (horário local, 16h de terça-feira em Brasília)", afirmou o almirante Julius Widjojono, porta-voz da Marinha do país. "As tarefas de busca prosseguem e sabemos que a área é muito profunda". Ele afirmou que o submarino não poderia ser alcançado.

Equipes de resgate encontraram um vazamento de óleo perto do local onde a embarcação submergiu, segundo autoridades. Dois navios com capacidade de sonar foram enviados à região para ajudar nas buscas.

A Indonésia é o maior arquipélago do mundo, formado por mais de 17 mil ilhas. Bali é uma ilha e província do país. O submarino KRI Nanggala-402 pesa 1.395 toneladas e foi construído na Alemanha em 1977. Ele foi incorporado à frota indonésia em 1981 e passou por uma reforma de dois anos na Coreia do Sul - que foi concluída em 2012.

As autoridades da Indonésia pediram ajuda à Índia, Singapura e Austrália, que passaram a auxiliar nas buscas. O submarino, um dos cinco operados pelos militares indonésios, foi construído na década de 1970 e reformado em 2012, de acordo com relatos da mídia. As vastas águas da Indonésia abrangem mais de 4.000 quilômetros de leste a oeste e quase 2.000 de norte a sul. (Com agências internacionais).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Submarino da Indonésia desaparece com 53 tripulantes


21/04/2021 | 12:24


Um submarino da Indonésia com 53 pessoas a bordo perdeu contato com a Marinha do país enquanto realizava manobras de treinamento nas águas ao norte da ilha de Bali nesta quarta-feira, 21. O Ministério da Defesa diz que o submarino perdeu contato após receber autorização para mergulhar. Segundo a mídia local, a Marinha acredita que a embarcação afundou em uma depressão a 700 metros de profundidade.

Hadi Tjahjanto, comandante das Forças Armadas Nacionais da Indonésia, disse à agência Reuters que o contato com o navio foi perdido na manhã de quarta-feira, e que navios de guerra estavam procurando águas a cerca de 100 quilômetros ao norte de Bali, uma ilha da Indonésia.

"Perdemos contato cedo, às 3h (horário local, 16h de terça-feira em Brasília)", afirmou o almirante Julius Widjojono, porta-voz da Marinha do país. "As tarefas de busca prosseguem e sabemos que a área é muito profunda". Ele afirmou que o submarino não poderia ser alcançado.

Equipes de resgate encontraram um vazamento de óleo perto do local onde a embarcação submergiu, segundo autoridades. Dois navios com capacidade de sonar foram enviados à região para ajudar nas buscas.

A Indonésia é o maior arquipélago do mundo, formado por mais de 17 mil ilhas. Bali é uma ilha e província do país. O submarino KRI Nanggala-402 pesa 1.395 toneladas e foi construído na Alemanha em 1977. Ele foi incorporado à frota indonésia em 1981 e passou por uma reforma de dois anos na Coreia do Sul - que foi concluída em 2012.

As autoridades da Indonésia pediram ajuda à Índia, Singapura e Austrália, que passaram a auxiliar nas buscas. O submarino, um dos cinco operados pelos militares indonésios, foi construído na década de 1970 e reformado em 2012, de acordo com relatos da mídia. As vastas águas da Indonésia abrangem mais de 4.000 quilômetros de leste a oeste e quase 2.000 de norte a sul. (Com agências internacionais).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;