Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 5 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Fernanda Montenegro e Fernanda Torres falam sobre a relação entre mãe e filha

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


19/04/2021 | 09:10


Fernanda Montenegro e Fernanda Torres abriram o jogo sobre como foi o período de quatro meses que ficaram isoladas juntas no sítio da família, na Serra do Rio de Janeiro, durante a pandemia do coronavírus, em que continuaram gravando à distância.

Em entrevista à coluna Direto da Fonte, de Sonia Racy, Torres entrega que a mãe sofreu mais com o período em que ficou sem trabalhar por conta da pandemia:

- Aceitei a situação logo de inicio, já a mamãe foi ficando mais revoltada, ela é uma workaholic e ficar sem o trabalho estava muito difícil para ela. Até que uma hora a gente aceitou aquele lugar como nosso. Quando começamos a gravar a série, as coisas deram uma acalmada, disse ela, citando a produção Amor e Sorte, que estreia em setembro, na Globo.

Fernanda Montenegro acredita que a relação com a filha só melhorou com o período de isolamento:

- Trabalhar em família durante esse tempo foi muito prazeroso. A série retratou bem esse momento da nossa vida. Esse especial cravou para sempre um momento também de realização artística, de comunhão familiar, de aceitação de uma nova possibilidade de sobrevivência diante de uma tragédia como esse vírus que está em cima do mundo. Nos encontramos de uma forma não pegajosa, mas amorosa, essencial, muito humana, sem demagogia.

Fernanda Torres concorda:

- No fim saímos desse período mais unidas ainda, com admiração e amor redobrados.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Fernanda Montenegro e Fernanda Torres falam sobre a relação entre mãe e filha


19/04/2021 | 09:10


Fernanda Montenegro e Fernanda Torres abriram o jogo sobre como foi o período de quatro meses que ficaram isoladas juntas no sítio da família, na Serra do Rio de Janeiro, durante a pandemia do coronavírus, em que continuaram gravando à distância.

Em entrevista à coluna Direto da Fonte, de Sonia Racy, Torres entrega que a mãe sofreu mais com o período em que ficou sem trabalhar por conta da pandemia:

- Aceitei a situação logo de inicio, já a mamãe foi ficando mais revoltada, ela é uma workaholic e ficar sem o trabalho estava muito difícil para ela. Até que uma hora a gente aceitou aquele lugar como nosso. Quando começamos a gravar a série, as coisas deram uma acalmada, disse ela, citando a produção Amor e Sorte, que estreia em setembro, na Globo.

Fernanda Montenegro acredita que a relação com a filha só melhorou com o período de isolamento:

- Trabalhar em família durante esse tempo foi muito prazeroso. A série retratou bem esse momento da nossa vida. Esse especial cravou para sempre um momento também de realização artística, de comunhão familiar, de aceitação de uma nova possibilidade de sobrevivência diante de uma tragédia como esse vírus que está em cima do mundo. Nos encontramos de uma forma não pegajosa, mas amorosa, essencial, muito humana, sem demagogia.

Fernanda Torres concorda:

- No fim saímos desse período mais unidas ainda, com admiração e amor redobrados.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;