Fechar
Publicidade

Sábado, 15 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Fauci, após suspensão da J&J: Não podemos parar vacinação por coisas mínimas



13/04/2021 | 15:14


O epidemiologista Anthony Fauci, assessor médico chefe do presidente americano, Joe Biden, minimizou nesta terça-feira o pedido de suspensão da vacina da covid-19 da Johnson & Johnson. A solicitação foi feita nesta terça-feira, 13, pelo FDA, a agência reguladora americana, e pelo Centro de Controle de Doenças (CDC, na sigla em inglês) após relatos de casos de trombose com uso do imunizante. "Não podemos parar a vacinação por coisas mínimas, que muito provavelmente não têm a ver com a vacina", disse Fauci, em coletiva de imprensa.

Pela manhã, a J&J emitiu nota chamando os casos de coágulos de sangue de "extremamente raros" em pessoas que receberam o profilático. Com mais de 6,8 milhões de doses aplicadas, apenas seis pessoas relataram a possível complicação.

Ainda assim, o coordenador da resposta da Casa Branca ao coronavírus, Jeff Zients, na mesma coletiva, chamou o trabalho da FDA de "fantástico" e garantiu o ritmo de imunização contra a covid-19 nos EUA será mantido, apesar da suspensão temporária do uso das vacinas da J&J.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Fauci, após suspensão da J&J: Não podemos parar vacinação por coisas mínimas


13/04/2021 | 15:14


O epidemiologista Anthony Fauci, assessor médico chefe do presidente americano, Joe Biden, minimizou nesta terça-feira o pedido de suspensão da vacina da covid-19 da Johnson & Johnson. A solicitação foi feita nesta terça-feira, 13, pelo FDA, a agência reguladora americana, e pelo Centro de Controle de Doenças (CDC, na sigla em inglês) após relatos de casos de trombose com uso do imunizante. "Não podemos parar a vacinação por coisas mínimas, que muito provavelmente não têm a ver com a vacina", disse Fauci, em coletiva de imprensa.

Pela manhã, a J&J emitiu nota chamando os casos de coágulos de sangue de "extremamente raros" em pessoas que receberam o profilático. Com mais de 6,8 milhões de doses aplicadas, apenas seis pessoas relataram a possível complicação.

Ainda assim, o coordenador da resposta da Casa Branca ao coronavírus, Jeff Zients, na mesma coletiva, chamou o trabalho da FDA de "fantástico" e garantiu o ritmo de imunização contra a covid-19 nos EUA será mantido, apesar da suspensão temporária do uso das vacinas da J&J.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;