Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 23 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

GCM de São Bernardo encerra dois pancadões e dispersa mais de 1.500 pessoas

Ricardo Cassin/PMSBC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Do Diário do Grande ABC

05/04/2021 | 17:14


No fim de semana, festas clandestinas foram encerradas em São Bernardo. Operação conjunta realizada pela GCM (Guarda Civil Municipal), com apoio de demais órgãos de fiscalização da Prefeitura, resultou na dispersão de eventos e na dispersão de 27 pontos em vias públicas. Entre sábado (3) e domingo (4), mais de 1.500 pessoas que participaram da festas foram dispersadas. Desde 27 de fevereiro, o município determinou toque de recolher das 22h às 4h, como forma de evitar aglomerações e eventos clandestinos para conter o contágio acelerado do Coronavírus.

Um dos pancadões estava no Jardim Calux, na Rua Carlos Drummond de Andrade, onde cerca de 400 jovens, todos sem seguir nenhum protocolo de saúde contra a Covid-19, como uso de máscaras e distanciamentol, foram flagrados bloqueando a via durante a festa irregular. Os participantes do evento foram abordados e dispersados. Outras 150 pessoas foram também flagradas em outra festa, desta vez, na Rua Paulista, no Jardim Limpão. Com a chegada dos agentes, todos foram retirados do local.

De acordo com o secretário de Segurança Urbana de São Bernardo, Coronel Carlos Alberto dos Santos, o encerramento das festas é resultado do reforço das ações da GCM em todo o território da cidade. "Todo o efetivo da Guarda Civil Municipal tem atuado diariamente para combater ocorrências de aglomeração em meio à pandemia. Um trabalho que tem sido intensificado a cada dia com objetivo de garantir a segurança e a preservação da saúde de nossa população", pontuou.

COMÉRCIO - A operação comandada pela GCM de São Bernardo resultou ainda no encerramento das atividades de 38 estabelecimentos comerciais por desrespeito aos decretos municipais vigentes durante o Período Emergencial. Os locais foram fechados, sem resistência, após orientação dos profissionais de fiscalização.

DENÚNCIA – Atualmente, a GCM realiza ainda bloqueios de segurança, das 22h às 4h em pontos diversos da cidade para coibir a circulação de veículos e pessoas. Moradores podem denunciar situações de desrespeito às normas do Plano São Paulo através do telefone 153. O atendimento é feito 24 horas por dia.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;