Fechar
Publicidade

Sábado, 19 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Faturamento da Coop tem alta de 9% em 2020

DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Rede varejista eleva vendas durante a pandemia e faz planos para abrir supermercados e farmácias


Luís Felipe Soares
Do Diário do Grande ABC

24/03/2021 | 22:57


A Coop (Cooperativa de Consumo) elevou seus ganhos em meio à pandemia da Covid-19. A empresa fechou 2020 com alta de 9,1% nas vendas (fornecimento bruto e distribuição) em relação a 2019, com faturamento total de R$ 2.618.168. Segundo a varejista, os números poderiam ser maiores. Porém, em razão da pandemia, houve retardo no repasse de aumento de preço dos produtos.

“Tivemos um ano absolutamente melhor do que a maioria dos setores do Brasil. Só não foi melhor porque não quisemos nos aproveitar da situação para aumentarmos os preços. Houve questões de ofertas e demandas, principalmente em relação aos alimentos, e a oscilação da inflação, além da alta do dólar. A Coop tentou segurar o quanto pôde, repassando reajustes só a partir do fim do ano. O resultado econômico poderia ser mais alto, mas seria inadequado, com uma certa mancha”, afirmou o presidente executivo Marcio Francisco Blanco do Valle.

A Coop possui atualmente 99 unidades de negócios, sendo 31 supermercados, 65 drogarias e três postos de combustíveis. Para este ano a rede tem intenção de inaugurar pelo menos mais um supermercado, que será no Grande ABC, mas a cidade ainda não foi informada.


INVESTIMENTOS
Em 2020, os investimentos da Coop ficaram perto dos R$ 60 milhões, menos de um terço do que era planejado para o período. Para este ano, apesar da continuidade da pandemia, a previsão é a de que sejam empregados cerca de R$ 105 milhões. Valor destinado à montagens de pontos de venda, reforma e manutenção em lojas já existentes e reforço nas áreas de tecnologia da informação e inovações digitais.

Entre as novidades concretizadas neste primeiro trimestre, estão uma drogaria com cafeteria próxima do CHM (Centro Hospitalar Municipal de Santo André), na Vila Assunção, e outras sete drogarias dentro de galerias de unidades do Grupo Big na Capital e no Interior de São Paulo. Até o fim de abril, a empresa promete abrir três drogarias externas no Grande ABC, em Santo André, São Bernardo e São Caetano.

“Temos que equilibrar e preservar a saúde mantendo um mínimo estado de economia. Com certos níveis de vacinação mais relevantes, principalmente no segundo semestre, devemos ter melhor posição no que estamos procurando de números”, disse Valle.

RESULTADOS
Os dados apresentados pela Coop mostram que em 2020 os supermercados faturaram R$ 176,895 milhões a mais que em 2019, enquanto as drogarias elevaram em R$ 48,588 milhões. Os valores foram impulsionados, principalmente, por mudança nos hábitos de consumo na quarentena e pelo impacto trazido pelo auxílio emergencial pago pelo governo federal.

Criados especialmente para atendimento no período de pandemia, os programas digitais Coop Retira e Coop Entrega fecharam 2020 com cerca de 16 mil pedidos. Os canais de e-commerce tiveram crescimento de 700% em comparação com o ano anterior e prometem ser ativos e aprimorados ao longo de 2021.

O único ponto negativo registrado foi o resultado obtido pelos postos de combustível. Segundo o relatório, o isolamento físico impactou no faturamento, uma vez que reduziu a quantidade de veículos nas ruas. Em 2020 os postos venderam 15% menos que em 2019, o que representa queda de R$ 6,012 milhões.

SOBRAS
A Coop vai distribuir R$ 18,5 milhões como ‘sobra’ aos cooperados. O valor, que começa a ser repassado a partir de 3 de maio, é 55% superior ao que foi repassado em 2019. Deste montante, R$ 540 mil serão destinados a entidades assistenciais.

Atualmente são 895.297 cadastrados. No último ano, foram realizadas 132 mil novas adesões, o que representa 35% de elevação quando comparados com os 98 mil que se assossiaram durante 2019. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;