Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Lauro exalta legado e lembra falências da ETCD e Saned

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Junior Carvalho
Do Diário do Grande ABC

18/03/2021 | 05:14


Ex-prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV) reconheceu as dívidas deixadas ao atual prefeito José de Filippi Júnior (PT), entretanto, destacou que herdou cenário pior do antecessor Mário Reali (PT), último petista que havia governado a cidade.

Na terça-feira, o governo Filippi apontou ter recebido das mãos de Lauro Prefeitura com R$ 1 bilhão em dívidas consolidadas e apenas cerca de R$ 400 mil disponíveis em caixa. O setor financeiro da gestão petista evidenciou inércia do governo do verde nos últimos anos para driblar os frequentes deficits financeiros.

Lauro não contestou os valores apresentados pelo atual chefe de Finanças, Francisco Funcia, mas lembrou que sucedeu os petistas com duas autarquias falidas, as extintas Saned (Companhia de Saneamento de Diadema) e ETCD (Empresa de Transporte Coletivo de Diadema) – serviços de água foram entregues à Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) e os de transporte, à iniciativa privada. “Assumi a Prefeitura com mais de R$ 2,1 bilhões em dívidas e fui responsável pela negociação da dívida da Saned com a Sabesp, permitindo que o município elevasse de 13% para mais de 55% o índice de tratamento do esgoto no município, o fim do rodízio de água e inúmeras obras que garantiram melhorias no abastecimento de água.”

O ex-prefeito frisou ainda que governou a cidade em momento em que o País passou por sérias crises política e econômica, que culminaram com o impeachment de uma presidente. “Essa pandemia que estamos vivendo provocou quedas reais na arrecadação de impostos e, mesmo assim, a administração Lauro garantiu salários em dia a todos os servidores, concedeu reajustes nos anos que a economia permitiu e entregou mais de 280 importantes intervenções na cidade, com entrega de moradias, creches e escolas, unidade de saúde, dezenas de ruas pavimentadas e muito mais, além de honrar as dívidas deixadas pelas gestões petistas, da ETCD, Previdência e precatórios.”

Lauro concluiu a fala solicitando que o governo “olhe para frente”. “Com a certeza de que a cidade foi entregue à atual gestão muito melhor do que estava em 2013, tanto em qualidade de serviços e estrutura quanto financeiramente”.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;