Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Palmeiras inicia contatos para tirar meia Ricardinho do Inter


Nelson Cilo
Do Diário do Grande ABC

22/12/2005 | 09:14


Depois de contratar os primeiros reforços para a próxima temporada, principalmente o ala direito Paulo Baier e o matador Edmundo, o Palmeiras tenta fechar a contratação de Ricardinho, do Internacional. O meia já teria definido as bases da transferência. Comentam que o clube gaúcho ainda levaria o zagueiro Daniel Marques, que estava emprestado ao Paraná. Em princípio, haveria uma simples troca. No entanto, é uma alternativa que parece não interessar ao Colorado. O empresário Neco Cirne, autorizado a representar o alviverde nas negociações, pretende, caso haja necessidade, incluir uma importância em dinheiro.

Recentemente, Ricardinho assumiu – e oficializou no papel – o compromisso de permanecer mais 12 meses no Inter. Só que o interesse do Palmeiras pode mudar a rota do atleta. Viria temporariamente, mas, ao final das competições de 2006 – Estadual e Copa Libertadores da América – seria comprado em definitivo. Em Porto Alegre, surgiram notícias que apontam para uma segunda hipótese: os paulistas admitem ceder o xará Ricardinho, um dos principais destaques do Grêmio na campanha do campeão da Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar de tudo, o empresário do atacante, José Galante, nega possíveis contatos que poderiam envolver o artilheiro.

Se o Inter não liberar Ricardinho, o Palmeiras já teria outra opção: Rodrigo Fabri, que atuou pelo Atlético-MG, rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro em 2005. Aparentemente, porém, seria mais um boato durante o recesso do futebol. O empresário dele, Fernando César, garante que não há nenhuma chance de Fabri se transferir para o Palmeiras. “Nem fomos consultados”, disse.

Mesmo assim, algumas fontes garantem que Fabri será do Palmeiras assim que ele se desvincular do Atlético-MG, no próximo dia 31. O diretor de Futebol Salvador Hugo Palaia admite que o estilo do meia-atacante agrada ao técnico Emerson Leão, mas conta que nunca levou as negociações em frente. “Nossa prioridade para 2006 é o Ricardinho”, avisa.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;