Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 20 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Inter de Milão sofre, mas vence Atalanta e mantém vantagem na liderança



08/03/2021 | 18:49


Em jogo decisivo para suas ambições no Campeonato Italiano, a Inter de Milão não empolgou, mas passou no teste. Em casa, bateu a perigosa Atalanta por 1 a 0, nesta segunda-feira, no complemento da rodada. Milan Skriniar anotou o único gol da partida, no início do segundo tempo.

O resultado manteve a Inter com seis pontos de vantagem sobre o Milan, vice-líder da tabela: 62 contra 56. Isso porque o rival havia vencido o Hellas Verona por 2 a 0, no domingo. A Atalanta, por sua vez, ocupa o quinto lugar, com 49 pontos, distante da briga pelo título, mas dentro da disputa por vaga na próxima edição da Liga dos Campeões.

Destaque nas últimas temporadas pelo poder ofensivo, a Atalanta não se intimidou diante da líder do Italiano e criou as melhores oportunidades no primeiro tempo. Aos 8, Gosens já ameaçava o gol defendido por Samir Handanovic, responsável por protagonizar o lance mais incrível da etapa inicial.

Foi aos 38, após cobrança de escanteio na área. Zapata cabeceou firme quase na pequena área e o goleiro fez defesa surpreendente, quase em cima da linha. Do outro lado, Sportiello precisou mostrar serviço aos 13, quando Romero cortou para trás, pelo alto, e exigiu que o goleiro saísse de cabeça para evitar o gol da Inter, em lance de Lukaku.

Se não esteve muito no ataque, a Inter se mostrou mais eficiente. Aos 8 minutos do segundo tempo, marcou o único gol do jogo. Depois de cobrança de escanteio na área, a bola sobrou quase na marca do pênalti para Milan Skriniar bater firme a abrir o placar.

Ciente do futebol burocrático apresentado pela Inter até então, apesar da vantagem o placar, o técnico Antonio Conte lançou mão de Eriksen e Alexis Sánchez. O time da casa apresentou ligeira melhora, porém ainda sem empolgar.

Do outro lado, a Atalanta passou a contar com o reforço de Muriel em campo. Mas os visitantes começaram a ter maior dificuldade para superar a defesa dos milaneses. Tentando conter a pressão dos visitantes, a Inter se segurou bem nos minutos finais e assegurou a importante vitória.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Inter de Milão sofre, mas vence Atalanta e mantém vantagem na liderança


08/03/2021 | 18:49


Em jogo decisivo para suas ambições no Campeonato Italiano, a Inter de Milão não empolgou, mas passou no teste. Em casa, bateu a perigosa Atalanta por 1 a 0, nesta segunda-feira, no complemento da rodada. Milan Skriniar anotou o único gol da partida, no início do segundo tempo.

O resultado manteve a Inter com seis pontos de vantagem sobre o Milan, vice-líder da tabela: 62 contra 56. Isso porque o rival havia vencido o Hellas Verona por 2 a 0, no domingo. A Atalanta, por sua vez, ocupa o quinto lugar, com 49 pontos, distante da briga pelo título, mas dentro da disputa por vaga na próxima edição da Liga dos Campeões.

Destaque nas últimas temporadas pelo poder ofensivo, a Atalanta não se intimidou diante da líder do Italiano e criou as melhores oportunidades no primeiro tempo. Aos 8, Gosens já ameaçava o gol defendido por Samir Handanovic, responsável por protagonizar o lance mais incrível da etapa inicial.

Foi aos 38, após cobrança de escanteio na área. Zapata cabeceou firme quase na pequena área e o goleiro fez defesa surpreendente, quase em cima da linha. Do outro lado, Sportiello precisou mostrar serviço aos 13, quando Romero cortou para trás, pelo alto, e exigiu que o goleiro saísse de cabeça para evitar o gol da Inter, em lance de Lukaku.

Se não esteve muito no ataque, a Inter se mostrou mais eficiente. Aos 8 minutos do segundo tempo, marcou o único gol do jogo. Depois de cobrança de escanteio na área, a bola sobrou quase na marca do pênalti para Milan Skriniar bater firme a abrir o placar.

Ciente do futebol burocrático apresentado pela Inter até então, apesar da vantagem o placar, o técnico Antonio Conte lançou mão de Eriksen e Alexis Sánchez. O time da casa apresentou ligeira melhora, porém ainda sem empolgar.

Do outro lado, a Atalanta passou a contar com o reforço de Muriel em campo. Mas os visitantes começaram a ter maior dificuldade para superar a defesa dos milaneses. Tentando conter a pressão dos visitantes, a Inter se segurou bem nos minutos finais e assegurou a importante vitória.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;