Fechar
Publicidade

Sábado, 17 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Após registro de morte, Áustria interrompe vacinação de lote da AstraZeneca



07/03/2021 | 14:51


Autoridades da Áustria afirmaram neste domingo que suspenderam o uso de um lote da vacina contra covid-19 da AstraZeneca por precaução, após ser reportada uma morte e um caso de doença entre os que receberam o imunizante. As autoridades acrescentaram, porém, que nenhum dos eventos parece estar ligado à vacina.

A morte reportada ocorreu graças a problemas graves de coagulação em uma mulher de 49 anos, enquanto outra mulher, de 35 anos, teve embolia pulmonar e estava se recuperando, informou o Escritório Federal para Segurança na Saúde da Áustria. As duas mulheres receberam a vacina no distrito de Zwettl, do mesmo lote desenvolvido pela AstraZeneca e pela Universidade Oxford, mas não foi mostrada uma conexão entre a piora de saúde e a vacina, disse a agência.

O órgão do governo diz que investiga o episódio "para conseguir excluir completamente uma possível conexão" com as vacinas. Um porta-voz da AstraZeneca disse que a empresa está em contato com autoridades austríacas e apoia a investigação. "Não houve casos de efeitos adversos sérios associados com a vacina", afirma o porta-voz. As reações documentadas têm sido em geral leves ou moderadas e incluem dormência no braço que recebeu a injeção, cansaço, febre e dor de cabeça, que em geral duram apenas poucos dias.

Com Dow Jones Newswires



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Após registro de morte, Áustria interrompe vacinação de lote da AstraZeneca


07/03/2021 | 14:51


Autoridades da Áustria afirmaram neste domingo que suspenderam o uso de um lote da vacina contra covid-19 da AstraZeneca por precaução, após ser reportada uma morte e um caso de doença entre os que receberam o imunizante. As autoridades acrescentaram, porém, que nenhum dos eventos parece estar ligado à vacina.

A morte reportada ocorreu graças a problemas graves de coagulação em uma mulher de 49 anos, enquanto outra mulher, de 35 anos, teve embolia pulmonar e estava se recuperando, informou o Escritório Federal para Segurança na Saúde da Áustria. As duas mulheres receberam a vacina no distrito de Zwettl, do mesmo lote desenvolvido pela AstraZeneca e pela Universidade Oxford, mas não foi mostrada uma conexão entre a piora de saúde e a vacina, disse a agência.

O órgão do governo diz que investiga o episódio "para conseguir excluir completamente uma possível conexão" com as vacinas. Um porta-voz da AstraZeneca disse que a empresa está em contato com autoridades austríacas e apoia a investigação. "Não houve casos de efeitos adversos sérios associados com a vacina", afirma o porta-voz. As reações documentadas têm sido em geral leves ou moderadas e incluem dormência no braço que recebeu a injeção, cansaço, febre e dor de cabeça, que em geral duram apenas poucos dias.

Com Dow Jones Newswires

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;