Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 21 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

3R Petroleum fecha parceria com DBO para aquisições de campos offshore



07/03/2021 | 10:56


A 3R Petroleum fechou, através da subsidiária OP Energia, um contrato com a DBO Energia para que as empresas construam uma parceria para potenciais aquisições de ativos offshore de exploração de petróleo no Brasil. De acordo com a petroleira, esse contrato se tornará eficaz caso sejam cumpridas determinadas condições precedentes.

Com a parceria, a DBO se tornará acionista minoritária da OP, que seguirá sob controle da 3R. De acordo com o comunicado, a OP passará a deter 100% dos direitos do Polo Peroé, que fica na Bacia do Espírito Santo, e de outros ativos que forem adquiridos.

A OP tem habilitação de Operador A perante a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o que permite que opere blocos e concessões em terra (onshore) ou mar (offshore), inclusive em águas ultra profundas.

Especializada em ativos de petróleo maduros, que demandam recuperação de produção, a 3R tem competido por ativos colocados à venda pela Petrobras. No início de fevereiro, a empresa comprou da estatal, através da OP e em parceria com a DBO, o Polo Peroá, por um valor de US$ 55 milhões. O ativo ainda não foi incorporado aos números de produção da companhia.

Segundo a 3R, o novo acordo com a DBO pretende fortalecer a parceria entre as companhias, "reproduzindo os mútuos esforços" de aquisição de Peroá na disputa de outros ativos offshore colocados à venda pela Petrobras.

"Expandir a atuação da 3R em campos maduros offshore está alinhado com os pilares do plano estratégico da Companhia: aquisições oportunísticas, com múltiplos de entrada competitivos, de ativos em produção (baixo risco exploratório), que tenham potencial de imediato incremento de produção e de reposição de reservas no médio e longo prazo", afirma a companhia em fato relevante.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

3R Petroleum fecha parceria com DBO para aquisições de campos offshore


07/03/2021 | 10:56


A 3R Petroleum fechou, através da subsidiária OP Energia, um contrato com a DBO Energia para que as empresas construam uma parceria para potenciais aquisições de ativos offshore de exploração de petróleo no Brasil. De acordo com a petroleira, esse contrato se tornará eficaz caso sejam cumpridas determinadas condições precedentes.

Com a parceria, a DBO se tornará acionista minoritária da OP, que seguirá sob controle da 3R. De acordo com o comunicado, a OP passará a deter 100% dos direitos do Polo Peroé, que fica na Bacia do Espírito Santo, e de outros ativos que forem adquiridos.

A OP tem habilitação de Operador A perante a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o que permite que opere blocos e concessões em terra (onshore) ou mar (offshore), inclusive em águas ultra profundas.

Especializada em ativos de petróleo maduros, que demandam recuperação de produção, a 3R tem competido por ativos colocados à venda pela Petrobras. No início de fevereiro, a empresa comprou da estatal, através da OP e em parceria com a DBO, o Polo Peroá, por um valor de US$ 55 milhões. O ativo ainda não foi incorporado aos números de produção da companhia.

Segundo a 3R, o novo acordo com a DBO pretende fortalecer a parceria entre as companhias, "reproduzindo os mútuos esforços" de aquisição de Peroá na disputa de outros ativos offshore colocados à venda pela Petrobras.

"Expandir a atuação da 3R em campos maduros offshore está alinhado com os pilares do plano estratégico da Companhia: aquisições oportunísticas, com múltiplos de entrada competitivos, de ativos em produção (baixo risco exploratório), que tenham potencial de imediato incremento de produção e de reposição de reservas no médio e longo prazo", afirma a companhia em fato relevante.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;