Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 19 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Em condições opostas na A-2, Água Santa recebe o EC São Bernardo, às 15h

Netuno iniciou competição com vitória fora, enquanto Cachorrão perdeu em casa


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

06/03/2021 | 00:01


O Grande ABC receberá hoje, a partir das 15h, seu primeiro dérbi regional da temporada 2021. No Estádio do Inamar, em Diadema, pela Série A-2, estarão frente a frente Água Santa e EC São Bernardo, times que só se enfrentaram duas vezes na história: em 2013, pelo Paulista da Segunda Divisão, o Netuno venceu por 2 a 1 no Baetão e, na volta, empate sem gols no mesmo local do reencontro desta tarde.

O time da casa iniciou a atual Série A-2 com vitória em Rio Claro sobre o Velo Clube, por 2 a 0. Já o Cachorrão ingressou com revés no 1º de Maio para o Oeste, pelo mesmo placar. Independentemente de qualquer situação, os treinadores chamam atenção para as qualidades dos rivais.

“É campeonato parelho, muito próximo e você tem de estar sempre bem ajustado para não oferecer possibilidades. Nenhum dos times pode se sentir preterido ou autossuficiente demais. Mas estamos otimistas, as condições são boas, então temos de nos sentir confiantes. Quando as coisas caminham bem, como na estreia, óbvio que te deixa mais seguro”, destacou Sérgio Guedes, do Água Santa. “Temos bons jogadores e ainda buscamos o entrosamento, principalmente para aqueles que chegaram mais tarde e ajustá-los nas partes física e técnica para favorecer a tática”, emendou o comandante.

Do outro lado, Renato Peixe ressaltou o desafio, mas destacou a necessidade de recuperar os pontos perdidos em casa, “Mais uma partida difícil, contra equipe qualificada, que creio que vai brigar na parte de cima da tabela, foi montada para isso. Mas nosso time está superpreparado, trabalhamos bem durante a semana”, declarou o comandante alvinegro, que detalhou as atividades dos últimos dias. “O trabalho foi em cima de manter a confiança, para não se abater pela derrota na estreia. Então foram correções táticas e trabalho sobre a confiança do grupo para desempenhar grande trabalho e conseguir resultado positivo diante do Água Santa na casa deles”, concluiu. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Em condições opostas na A-2, Água Santa recebe o EC São Bernardo, às 15h

Netuno iniciou competição com vitória fora, enquanto Cachorrão perdeu em casa

Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

06/03/2021 | 00:01


O Grande ABC receberá hoje, a partir das 15h, seu primeiro dérbi regional da temporada 2021. No Estádio do Inamar, em Diadema, pela Série A-2, estarão frente a frente Água Santa e EC São Bernardo, times que só se enfrentaram duas vezes na história: em 2013, pelo Paulista da Segunda Divisão, o Netuno venceu por 2 a 1 no Baetão e, na volta, empate sem gols no mesmo local do reencontro desta tarde.

O time da casa iniciou a atual Série A-2 com vitória em Rio Claro sobre o Velo Clube, por 2 a 0. Já o Cachorrão ingressou com revés no 1º de Maio para o Oeste, pelo mesmo placar. Independentemente de qualquer situação, os treinadores chamam atenção para as qualidades dos rivais.

“É campeonato parelho, muito próximo e você tem de estar sempre bem ajustado para não oferecer possibilidades. Nenhum dos times pode se sentir preterido ou autossuficiente demais. Mas estamos otimistas, as condições são boas, então temos de nos sentir confiantes. Quando as coisas caminham bem, como na estreia, óbvio que te deixa mais seguro”, destacou Sérgio Guedes, do Água Santa. “Temos bons jogadores e ainda buscamos o entrosamento, principalmente para aqueles que chegaram mais tarde e ajustá-los nas partes física e técnica para favorecer a tática”, emendou o comandante.

Do outro lado, Renato Peixe ressaltou o desafio, mas destacou a necessidade de recuperar os pontos perdidos em casa, “Mais uma partida difícil, contra equipe qualificada, que creio que vai brigar na parte de cima da tabela, foi montada para isso. Mas nosso time está superpreparado, trabalhamos bem durante a semana”, declarou o comandante alvinegro, que detalhou as atividades dos últimos dias. “O trabalho foi em cima de manter a confiança, para não se abater pela derrota na estreia. Então foram correções táticas e trabalho sobre a confiança do grupo para desempenhar grande trabalho e conseguir resultado positivo diante do Água Santa na casa deles”, concluiu. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;