Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 22 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Cooperação do sistema é fundamental para combater atividades ilícitas, diz BC



03/03/2021 | 18:14


O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, destacou nesta quarta-feira que a cooperação do sistema financeiro tem sido fundamental para o combater atividades ilícitas, como lavagem de dinheiro ou financiamento ao terrorismo. "A experiência mostra que rastrear a trilha do dinheiro e suprimir o fluxo de recursos financeiros das organizações criminosas é um modo eficaz e seguro de combater a lavagem de dinheiro e os crimes correlatos", afirmou, durante cerimônia de entrega do Diploma de Mérito COAF 2021, do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF), conforme apontamentos divulgados pelo BC.

Segundo ele, em todo o mundo, em diversos países, as unidades autônomas de inteligência desempenham um papel crucial na análise dos fluxos de informações financeiras, transformando os dados sobre grandes transações em informação para órgãos investigativos.

Durante o evento, Campos Neto reforçou a disposição do BC em continuar contribuindo e cooperando com as atividades do COAF.

Em janeiro do ano passado, o presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei que transferiu o COAF do Ministério da Economia para o Banco Central. O órgão, que tem autonomia técnica e operacional, tem entre as atribuições produzir e gerir informações de inteligência financeira para a prevenção e combate à lavagem de dinheiro.

Campos Neto lembrou que o BC tem a atribuição legal de regulamentar, monitorar e supervisionar suas instituições autorizadas, para que implementem políticas e controles de Prevenção à Lavagem de Dinheiro e ao Financiamento ao Terrorismo (PLF/FT) e comuniquem ao COAF as operações suspeitas que envolvam seus clientes.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Cooperação do sistema é fundamental para combater atividades ilícitas, diz BC


03/03/2021 | 18:14


O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, destacou nesta quarta-feira que a cooperação do sistema financeiro tem sido fundamental para o combater atividades ilícitas, como lavagem de dinheiro ou financiamento ao terrorismo. "A experiência mostra que rastrear a trilha do dinheiro e suprimir o fluxo de recursos financeiros das organizações criminosas é um modo eficaz e seguro de combater a lavagem de dinheiro e os crimes correlatos", afirmou, durante cerimônia de entrega do Diploma de Mérito COAF 2021, do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF), conforme apontamentos divulgados pelo BC.

Segundo ele, em todo o mundo, em diversos países, as unidades autônomas de inteligência desempenham um papel crucial na análise dos fluxos de informações financeiras, transformando os dados sobre grandes transações em informação para órgãos investigativos.

Durante o evento, Campos Neto reforçou a disposição do BC em continuar contribuindo e cooperando com as atividades do COAF.

Em janeiro do ano passado, o presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei que transferiu o COAF do Ministério da Economia para o Banco Central. O órgão, que tem autonomia técnica e operacional, tem entre as atribuições produzir e gerir informações de inteligência financeira para a prevenção e combate à lavagem de dinheiro.

Campos Neto lembrou que o BC tem a atribuição legal de regulamentar, monitorar e supervisionar suas instituições autorizadas, para que implementem políticas e controles de Prevenção à Lavagem de Dinheiro e ao Financiamento ao Terrorismo (PLF/FT) e comuniquem ao COAF as operações suspeitas que envolvam seus clientes.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;