Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 12 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Emissões de R$ 155,35 bi foram as maiores para um mês de janeiro, diz Tesouro



24/02/2021 | 15:16


O coordenador-geral de operações da dívida pública do Tesouro Nacional, Luis Felipe Vital, destacou nesta quarta-feira que a emissão de R$ 155 bilhões em títulos em janeiro foi o maior volume da história para o primeiro mês do ano. Já os resgates somaram R$ 148 bilhões no mês passado."É primeira vez que tivemos uma emissão líquida em janeiro, mês marcado por resgates. Janeiros são meses que concentram volumes maiores de vencimentos", acrescentou.

Vital destacou ainda que o custo médio acumulado em 12 meses da DPF - que caiu de 8,37% ao ano para 8,29% ao ano em janeiro - é o menor da série histórica.

O Tesouro Nacional encerrou o mês de janeiro com R$ 805,68 bilhões no chamado "colchão da dívida", a reserva de liquidez feita para honrar compromissos com investidores que compram os títulos brasileiros.

"O colchão observado em janeiro é suficiente para mais de 6 meses de vencimentos", detalhou Vital.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Emissões de R$ 155,35 bi foram as maiores para um mês de janeiro, diz Tesouro


24/02/2021 | 15:16


O coordenador-geral de operações da dívida pública do Tesouro Nacional, Luis Felipe Vital, destacou nesta quarta-feira que a emissão de R$ 155 bilhões em títulos em janeiro foi o maior volume da história para o primeiro mês do ano. Já os resgates somaram R$ 148 bilhões no mês passado."É primeira vez que tivemos uma emissão líquida em janeiro, mês marcado por resgates. Janeiros são meses que concentram volumes maiores de vencimentos", acrescentou.

Vital destacou ainda que o custo médio acumulado em 12 meses da DPF - que caiu de 8,37% ao ano para 8,29% ao ano em janeiro - é o menor da série histórica.

O Tesouro Nacional encerrou o mês de janeiro com R$ 805,68 bilhões no chamado "colchão da dívida", a reserva de liquidez feita para honrar compromissos com investidores que compram os títulos brasileiros.

"O colchão observado em janeiro é suficiente para mais de 6 meses de vencimentos", detalhou Vital.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;