Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Santos volta a vencer, reage na tabela e rebaixa Coritiba

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Na quarta-feira, o Peixe enfrenta o Timão, pela 33ª rodada do Brasileirão



14/02/2021 | 00:43


O Santos voltou a vencer ontem pelo Campeonato Brasileiro. Fez 2 a 0 no Coritiba, na Vila Belmiro, manteve suas chances de vaga na próxima Copa Libertadores ao chegar aos 50 pontos, em oitavo lugar, e rebaixou o time paranaense. Com apenas 28 pontos, o vice-lanterna Coritiba se junta ao Botafogo no grupo que vai disputar a Série B. O Santos não vencia há seis partidas.

O próximo jogo do Santos é o clássico atrasado da 33ª rodada com o Corinthians, na quarta-feira. O Coritiba recebe o Palmeiras no mesmo dia.

O Santos começou o jogo em cima do Coritiba. A marcação sob pressão dos santistas fazia os adversários tentarem afastar a bola de perto de sua área de qualquer maneira.

O time da Vila rondava a área do Coritiba e concluiu quatro vezes em perigo, antes da primeira boa chance efetiva, em um chute de fora da área de Luan Peres, que o novato goleiro Arthur defendeu, aos 12 minutos.

Nessas horas, o talento pode fazer a diferença. E Marinho fez: ele apanhou uma bola no meio-campo, tabelou com Lucas Braga – que devolveu de letra –, penetrou livre, pois a zaga do Coritiba havia se adiantado e, na saída de Arthur, deu um toque sutil, encobrindo o goleiro, aos 36 minutos. Foi o 17º gol de Marinho no Brasileirão, empatando com Claudinho, do Red Bull Bragantino, na artilharia. O gol tirou de vez a confiança do Coritiba, e o Santos poderia ter ampliado ainda na primeira etapa da partida.

No segundo tempo, o jogo caiu bastante, embora o Santos tivesse mais organização. Em lance, na cobrança de Jean Mota, Laércio dividiu com o goleiro e a bola sobrou para Marcos Leonardo marcar. O gol foi confirmado após revisão do VAR. Com definição, o Santos satisfeito com o resultado e o Coritiba nocauteado, o jogo de arrastou até o fim.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Santos volta a vencer, reage na tabela e rebaixa Coritiba

Na quarta-feira, o Peixe enfrenta o Timão, pela 33ª rodada do Brasileirão


14/02/2021 | 00:43


O Santos voltou a vencer ontem pelo Campeonato Brasileiro. Fez 2 a 0 no Coritiba, na Vila Belmiro, manteve suas chances de vaga na próxima Copa Libertadores ao chegar aos 50 pontos, em oitavo lugar, e rebaixou o time paranaense. Com apenas 28 pontos, o vice-lanterna Coritiba se junta ao Botafogo no grupo que vai disputar a Série B. O Santos não vencia há seis partidas.

O próximo jogo do Santos é o clássico atrasado da 33ª rodada com o Corinthians, na quarta-feira. O Coritiba recebe o Palmeiras no mesmo dia.

O Santos começou o jogo em cima do Coritiba. A marcação sob pressão dos santistas fazia os adversários tentarem afastar a bola de perto de sua área de qualquer maneira.

O time da Vila rondava a área do Coritiba e concluiu quatro vezes em perigo, antes da primeira boa chance efetiva, em um chute de fora da área de Luan Peres, que o novato goleiro Arthur defendeu, aos 12 minutos.

Nessas horas, o talento pode fazer a diferença. E Marinho fez: ele apanhou uma bola no meio-campo, tabelou com Lucas Braga – que devolveu de letra –, penetrou livre, pois a zaga do Coritiba havia se adiantado e, na saída de Arthur, deu um toque sutil, encobrindo o goleiro, aos 36 minutos. Foi o 17º gol de Marinho no Brasileirão, empatando com Claudinho, do Red Bull Bragantino, na artilharia. O gol tirou de vez a confiança do Coritiba, e o Santos poderia ter ampliado ainda na primeira etapa da partida.

No segundo tempo, o jogo caiu bastante, embora o Santos tivesse mais organização. Em lance, na cobrança de Jean Mota, Laércio dividiu com o goleiro e a bola sobrou para Marcos Leonardo marcar. O gol foi confirmado após revisão do VAR. Com definição, o Santos satisfeito com o resultado e o Coritiba nocauteado, o jogo de arrastou até o fim.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;