Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 14 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Grande ABC tem maior média diária de mortes desde início da pandemia

Nario Barbosa Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Na última semana, entre os dias 31 de janeiro e 6 de fevereiro, foram registrados 168 óbitos, média de 24 por dia


Aline Melo
Do Diário do Grande ABC

06/02/2021 | 20:06


O Grande ABC encerrou a 46ª semana desde o início da pandemia de Covid-19 na região, com a confirmação do primeiro caso, com a maior média diária de mortes. De acordo com dados dos boletins epidemiológicos das prefeituras, foram 168 óbitos entre os dias 31 de janeiro e 6 de fevereiro. Cenário pior só havia sido registrado antes em julho, por duas semanas seguidas, entre os dias 12 e 18 e 19 e 25 de julho.

Na semana entre os dias 10 e 16 de janeiro, a média diária foi de 25 mortes, mas naquela ocasião, a Prefeitura de Mauá havia notificado 31 óbitos que ficaram represados com a troca de gestão. A região chegou hoje ao número de 118.572 casos confirmados da doença e 4.201 vítimas fatais. Ainda aguardam resultados 118.884 exames e 113.898 pessoas já se recuperaram da contaminação pelo novo coronavírus. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Grande ABC tem maior média diária de mortes desde início da pandemia

Na última semana, entre os dias 31 de janeiro e 6 de fevereiro, foram registrados 168 óbitos, média de 24 por dia

Aline Melo
Do Diário do Grande ABC

06/02/2021 | 20:06


O Grande ABC encerrou a 46ª semana desde o início da pandemia de Covid-19 na região, com a confirmação do primeiro caso, com a maior média diária de mortes. De acordo com dados dos boletins epidemiológicos das prefeituras, foram 168 óbitos entre os dias 31 de janeiro e 6 de fevereiro. Cenário pior só havia sido registrado antes em julho, por duas semanas seguidas, entre os dias 12 e 18 e 19 e 25 de julho.

Na semana entre os dias 10 e 16 de janeiro, a média diária foi de 25 mortes, mas naquela ocasião, a Prefeitura de Mauá havia notificado 31 óbitos que ficaram represados com a troca de gestão. A região chegou hoje ao número de 118.572 casos confirmados da doença e 4.201 vítimas fatais. Ainda aguardam resultados 118.884 exames e 113.898 pessoas já se recuperaram da contaminação pelo novo coronavírus. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;