Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 18 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Comércios seguem desrespeitando fase vermelha na região

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Contrariando as medidas estabelecidas no Plano São Paulo, bares e restaurantes funcionaram normalmente no Grande ABC


Yasmim Assagra
Do Diário do Grande ABC

30/01/2021 | 17:40


Atualizada às 19h56

Bares e restaurantes do Grande ABC seguem desrespeitando as novas regras do Plano São Paulo, programa estadual que normatiza a quarentena. Para conter o avanço da Covid-19, foi determinado, pelo governador de São Paulo João Doria (PSDB), que até o dia 7 de fevereiro todos os comércios não essenciais devem ficar fechados em dias úteis, das 20h às 6h, e nos fins de semana.  Na tarde deste sábado (30), no primeiro dia em que o Estado entra na fase mais restritiva por 24 horas, o Diário flagrou estabelecimentos funcionando normalmente.

Em São Caetano, na tradicional avenida Goiás, os bares Intercontinental e Zangão reuniram centenas de pessoas aglomeradas tanto dentro dos espaços quanto na calçada. Além do clima quente, as aglomerações foram em razão do jogo pelo Campeonato da Libertadores entre Palmeiras e Santos. A equipe de reportagem permaneceu no local por cerca de 20 minutos e constatou que pelo menos 15 pessoas ainda chegaram no comércios para assistirem o jogo.

Em ruas mais tranquilas ds cidade, como a rua Amazonas, também era possível encontrar alguns pontos abertos. No local, esquina com a rua Purus, um bar - sem nome de identificação - funcionava normalmente, com pessoas conversando e jogando sinuca.

Já em Santo André, na rua das Figueiras, o Diário flagrou alguns comércios sendo higienizados, mas nenhum foi aberto minutos antes do jogo sa Libertadores começar. Viaturas da Polícia Militar fiscalizaram o ponto durante a presença a reportagem.

São Bernardo também apresentou movimento tranquilo na avenida Kennedy, que ainda era possível visualizar faixas espalhadas informando sobre o fechamento total dos comércios. Alguns estabelecimentos estavam funcionando mas em como delivery, na presença dos motoboys que saiam para entrega.

Em Mauá, na avenida Portugal, também não houve registro de aglomeração.

Até o momento, a Prefeitura de Santo André informou que tem atuado em estabelecimentos da cidade com efetivo de 40 servidores para fiscalização. Desde ontem, sexta-feira, das 20h -início da Fase 1 (vermelha) - até o momento, já foram interditados quatro estabelecimentos que desrespeitaram as regras.

São Bernardo informou que, no mesmo período,foram realizadas 31 intervenções em estabelecimentos que não poderiam estar abertos. Já em Mauá, foram nove autuações realizadas. 

São Caetano informou que atuam orientando os proprietários e não lacraram nenhum comércio, até o momento. Diadema, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra não informaram o número de comércios autuados até o momento.

ESPAÇOS PÚBLICOS
Entre uma cidade e outra, com os parques fechados também pela restrição do Plano São Paulo, muitas famílias procuraram os espaços públicos para aproveitar o sábado. No Paço de Santo André, o movimento era tranquilo, praticamente vazio. Já no Paço de São Bernardo, o movimento era maior, com pessoas andando de skate e bicicleta. Uma viatura da GCM (Guarda Civil Municipal) esteve no local de tarde para fiscalização. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Comércios seguem desrespeitando fase vermelha na região

Contrariando as medidas estabelecidas no Plano São Paulo, bares e restaurantes funcionaram normalmente no Grande ABC

Yasmim Assagra
Do Diário do Grande ABC

30/01/2021 | 17:40


Atualizada às 19h56

Bares e restaurantes do Grande ABC seguem desrespeitando as novas regras do Plano São Paulo, programa estadual que normatiza a quarentena. Para conter o avanço da Covid-19, foi determinado, pelo governador de São Paulo João Doria (PSDB), que até o dia 7 de fevereiro todos os comércios não essenciais devem ficar fechados em dias úteis, das 20h às 6h, e nos fins de semana.  Na tarde deste sábado (30), no primeiro dia em que o Estado entra na fase mais restritiva por 24 horas, o Diário flagrou estabelecimentos funcionando normalmente.

Em São Caetano, na tradicional avenida Goiás, os bares Intercontinental e Zangão reuniram centenas de pessoas aglomeradas tanto dentro dos espaços quanto na calçada. Além do clima quente, as aglomerações foram em razão do jogo pelo Campeonato da Libertadores entre Palmeiras e Santos. A equipe de reportagem permaneceu no local por cerca de 20 minutos e constatou que pelo menos 15 pessoas ainda chegaram no comércios para assistirem o jogo.

Em ruas mais tranquilas ds cidade, como a rua Amazonas, também era possível encontrar alguns pontos abertos. No local, esquina com a rua Purus, um bar - sem nome de identificação - funcionava normalmente, com pessoas conversando e jogando sinuca.

Já em Santo André, na rua das Figueiras, o Diário flagrou alguns comércios sendo higienizados, mas nenhum foi aberto minutos antes do jogo sa Libertadores começar. Viaturas da Polícia Militar fiscalizaram o ponto durante a presença a reportagem.

São Bernardo também apresentou movimento tranquilo na avenida Kennedy, que ainda era possível visualizar faixas espalhadas informando sobre o fechamento total dos comércios. Alguns estabelecimentos estavam funcionando mas em como delivery, na presença dos motoboys que saiam para entrega.

Em Mauá, na avenida Portugal, também não houve registro de aglomeração.

Até o momento, a Prefeitura de Santo André informou que tem atuado em estabelecimentos da cidade com efetivo de 40 servidores para fiscalização. Desde ontem, sexta-feira, das 20h -início da Fase 1 (vermelha) - até o momento, já foram interditados quatro estabelecimentos que desrespeitaram as regras.

São Bernardo informou que, no mesmo período,foram realizadas 31 intervenções em estabelecimentos que não poderiam estar abertos. Já em Mauá, foram nove autuações realizadas. 

São Caetano informou que atuam orientando os proprietários e não lacraram nenhum comércio, até o momento. Diadema, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra não informaram o número de comércios autuados até o momento.

ESPAÇOS PÚBLICOS
Entre uma cidade e outra, com os parques fechados também pela restrição do Plano São Paulo, muitas famílias procuraram os espaços públicos para aproveitar o sábado. No Paço de Santo André, o movimento era tranquilo, praticamente vazio. Já no Paço de São Bernardo, o movimento era maior, com pessoas andando de skate e bicicleta. Uma viatura da GCM (Guarda Civil Municipal) esteve no local de tarde para fiscalização. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;