Fechar
Publicidade

Domingo, 28 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Grande ABC tem mais 24 perdas e se aproxima das 4.000 mortes

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

28/01/2021 | 00:01


O Grande ABC acumulou ontem mais 24 mortes e 690 casos de Covid em 24 horas. No total, as sete cidades computam 3.978 perdas e 112.550 pessoas infectadas pelo vírus. São pelo menos 98.434 pacientes recuperados da doença.

Dos 24 óbitos informados ontem pelas prefeituras, dez foram registrados em Santo André, seis em Mauá, cinco em São Bernardo, dois em São Caetano e um em Diadema.

São Bernardo lidera os números regionais com 1.344 mortes e 43.146 infectados, seguida por Santo André (1.003 óbitos e 33.170 casos), Diadema (609 perdas e 14.612 contaminados), Mauá (511 baixas e 10.009 registros), São Caetano (350 mortes e 6.911 infectados), Ribeirão Pires (124 perdas e 3.699 casos) e Rio Grande da Serra (37 baixas e 1.003 registros).

Janeiro bateu recorde de novos casos de Covid no Estado em todos os meses da pandemia, chegando a 268.997 infecções confirmadas até ontem. Faltando quatro dias para terminar o mês, já 6.959 novos casos a mais do que em agosto, que havia registrado 262.038 casos e até então era o mês de maior número de infectados pelo coronavírus.

No total, já são 52.170 óbitos e 1.731.294 casos confirmados desde o início da pandemia no Estado e 1.488.343 pessoas recuperadas. As taxas de ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) são de 70,7% na Grande São Paulo e 70,9% no Estado.

O Brasil registrou 1.283 novas mortes nas últimas 24 horas, com 220.161 vítimas no total. No mesmo intervalo, foram 63.520, elevando o total de registros para 8.996 876.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Grande ABC tem mais 24 perdas e se aproxima das 4.000 mortes

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

28/01/2021 | 00:01


O Grande ABC acumulou ontem mais 24 mortes e 690 casos de Covid em 24 horas. No total, as sete cidades computam 3.978 perdas e 112.550 pessoas infectadas pelo vírus. São pelo menos 98.434 pacientes recuperados da doença.

Dos 24 óbitos informados ontem pelas prefeituras, dez foram registrados em Santo André, seis em Mauá, cinco em São Bernardo, dois em São Caetano e um em Diadema.

São Bernardo lidera os números regionais com 1.344 mortes e 43.146 infectados, seguida por Santo André (1.003 óbitos e 33.170 casos), Diadema (609 perdas e 14.612 contaminados), Mauá (511 baixas e 10.009 registros), São Caetano (350 mortes e 6.911 infectados), Ribeirão Pires (124 perdas e 3.699 casos) e Rio Grande da Serra (37 baixas e 1.003 registros).

Janeiro bateu recorde de novos casos de Covid no Estado em todos os meses da pandemia, chegando a 268.997 infecções confirmadas até ontem. Faltando quatro dias para terminar o mês, já 6.959 novos casos a mais do que em agosto, que havia registrado 262.038 casos e até então era o mês de maior número de infectados pelo coronavírus.

No total, já são 52.170 óbitos e 1.731.294 casos confirmados desde o início da pandemia no Estado e 1.488.343 pessoas recuperadas. As taxas de ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) são de 70,7% na Grande São Paulo e 70,9% no Estado.

O Brasil registrou 1.283 novas mortes nas últimas 24 horas, com 220.161 vítimas no total. No mesmo intervalo, foram 63.520, elevando o total de registros para 8.996 876.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;