Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 18 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Fabiano Eller diz que não veio ao Tigre ‘a passeio’

Auxiliar de Ricardo Catalá, ex-zagueiro mira acesso à elite com o São Bernardo FC


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

27/01/2021 | 00:01


Campeão mundial de clubes, tricampeão da Libertadores, bicampeão brasileiro, entre muitas outras conquistas. É com este currículo e todo o conhecimento adquirido em 23 anos de carreira que o ex-zagueiro Fabiano Eller chega para compor a comissão técnica do São Bernardo FC, junto do treinador Ricardo Catalá. E o objetivo é muito claro: colocar o Tigre na Série A-1 do Campeonato Paulista de 2022.

“Não viemos aqui para passear, viemos com a proposta de subir o clube. A estrutura está sendo dada, os jogadores não podem reclamar de nada, boas condições de trabalho, o clube tem projeto de subir, ano que vem disputar a Primeira Divisão do Paulistão. Tem muito a percorrer ainda, todos os clubes têm o mesmo objetivo, mas pode ter certeza que vamos trabalhar para que as coisas boas possam acontecer, não vamos medir esforços para que o sucesso venha”, destacou Fabiano Eller.

A dupla se conheceu enquanto o defensor ainda atuava pelo Red Bull Brasil e Catalá era auxiliar de Maurício Barbieri. No ano passado, quando o treinador foi convidado para assumir o Mirassol, tentou levar Eller, que inicialmente não aceitou para resolver problema particular. Depois, quando o comandante foi contratado pelo Guarani, o ex-zagueiro topou o desafio e tiveram a primeira experiência juntos.

“Foi surpresa para mim ter feito a proposta, porque nunca tinha comentado comigo. Fomos para o Guarani juntos, pegamos um trabalho no meio, então serviu como experiência. Agora a situação é outra, pegando do início, jogadores novos. Abracei o trabalho dele, confio, é cara honesto, trabalhador”, elogiou Eller. “Sou novo e estou aprendendo a cada dia. Com minha bagagem tenho muito a passar para os jogadores, tenho vasta experiência de ter trabalhado com grandes treinadores, grandes jogadores e em grandes clubes em 23 anos de carreira, não só na parte defensiva”, complementou o auxiliar. “Sempre fui bem-sucedido, sempre que entrava era para vencer e quero ser vencedor, mostrar meu trabalho”, concluiu. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;