Fechar
Publicidade

Domingo, 11 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Barcelona deve R$ 2,1 bi a outros times; Palmeiras, Grêmio e Atlético-MG na lista



26/01/2021 | 11:17


Em grave crise financeira por causa da pandemia do novo coronavírus, a diretoria do Barcelona publicou na segunda-feira a sua prestação anual de contas em seu site oficial e revelou que tem altos valores em dívidas por transferências de jogadores nas últimas temporadas.

O Barcelona tem a quitar uma dívida de 126 milhões de euros (R$ 831 milhões) a curto prazo e 197 milhões de euros (R$ 1,3 bilhão) a longo prazo - total de 323 milhões de euros (R$ 2,13 bilhões), como informou o relatório. Entre as transações listadas aparecem sete brasileiros - alguns deles já foram vendidos e saíram do clube.

O meia Philippe Coutinho, contratado junto ao Liverpool em 2018, é o jogador que gera a maior dívida a curto prazo: 29 milhões de euros (R$ 191 milhões). O atacante Malcom e o meia Matheus Pereira (ex-Corinthians) e o goleiro Neto (ex-Athletico-PR) também integram a lista.

Palmeiras, pelo volante Matheus Fernandes (R$ 30,2 milhões), Grêmio, pelo também volante Arthur (R$ 140,6 milhões), e Atlético-MG, pelo lateral-direito Emerson (R$ 39,4 milhões), são os clubes do Brasil que têm quantias a receber.

Os meias Frenkie De Jong, transferido do Ajax, e Miralem Pjanic, da Juventus, são os atletas que geram as maiores dívidas a longo prazo. A transação com a equipe italiana, porém, também envolve valor a receber por conta da saída de Arthur.

O alto valor a ser quitado por jogadores que já estão no elenco - ou até que já saíram - faz com que o Barcelona encontre dificuldades nas próximas janelas de transferências. Os últimos reforços foram o lateral-direito Dest, ex-Ajax, e o atacante Trincão, ex-Braga.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Barcelona deve R$ 2,1 bi a outros times; Palmeiras, Grêmio e Atlético-MG na lista


26/01/2021 | 11:17


Em grave crise financeira por causa da pandemia do novo coronavírus, a diretoria do Barcelona publicou na segunda-feira a sua prestação anual de contas em seu site oficial e revelou que tem altos valores em dívidas por transferências de jogadores nas últimas temporadas.

O Barcelona tem a quitar uma dívida de 126 milhões de euros (R$ 831 milhões) a curto prazo e 197 milhões de euros (R$ 1,3 bilhão) a longo prazo - total de 323 milhões de euros (R$ 2,13 bilhões), como informou o relatório. Entre as transações listadas aparecem sete brasileiros - alguns deles já foram vendidos e saíram do clube.

O meia Philippe Coutinho, contratado junto ao Liverpool em 2018, é o jogador que gera a maior dívida a curto prazo: 29 milhões de euros (R$ 191 milhões). O atacante Malcom e o meia Matheus Pereira (ex-Corinthians) e o goleiro Neto (ex-Athletico-PR) também integram a lista.

Palmeiras, pelo volante Matheus Fernandes (R$ 30,2 milhões), Grêmio, pelo também volante Arthur (R$ 140,6 milhões), e Atlético-MG, pelo lateral-direito Emerson (R$ 39,4 milhões), são os clubes do Brasil que têm quantias a receber.

Os meias Frenkie De Jong, transferido do Ajax, e Miralem Pjanic, da Juventus, são os atletas que geram as maiores dívidas a longo prazo. A transação com a equipe italiana, porém, também envolve valor a receber por conta da saída de Arthur.

O alto valor a ser quitado por jogadores que já estão no elenco - ou até que já saíram - faz com que o Barcelona encontre dificuldades nas próximas janelas de transferências. Os últimos reforços foram o lateral-direito Dest, ex-Ajax, e o atacante Trincão, ex-Braga.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;