Fechar
Publicidade

Sábado, 27 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Com gol de goleiro, Atlético Goianiense bate Fortaleza e se distancia da degola



24/01/2021 | 20:45


O Atlético Goianiense entrou na zona de classificação à Copa Sul-Americana e, de quebra, se distanciou da área de descenso ao derrotar o Fortaleza pelo placar de 2 a 0, neste domingo, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia, pela 32.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Pior para o time cearense, que segue ameaçado pelo rebaixamento.

Com o resultado, o Atlético Goianiense subiu para a 12.ª colocação com 42 pontos, contra 35 do Fortaleza, o primeiro fora da zona de rebaixamento. O time goiano ainda pode ser ultrapassado pelo Red Bull Bragantino, que tem 41 e entra em campo nesta segunda-feira contra o Corinthians.

O primeiro tempo teve superioridade do Fortaleza, mas o nome do duelo foi Jean. O goleiro foi essencial para o Atlético Goianiense sair com a vitória parcial. A boa participação do arqueiro começou aos 11 minutos, quando fez grande defesa na tentativa de Mariano Vázquez. O time goiano até respondeu, mas sempre na bola parada. Natanael cruzou e Marlon Freitas cabeceou para fora.

O Fortaleza continuou em cima e contou com uma ajuda do VAR, que flagrou uma cotovelada, na bola, dentro da área, de João Victor, após tentativa de Yuri César: pênalti. Juninho foi para a cobrança e bateu no meio do gol. Jean ficou parado e fez a defesa.

O Atlético Goianiense respondeu na mesma moeda. Wellington Rato tabelou com Janderson e foi derrubado dentro da área por Paulão: pênalti. Jean foi para a cobrança e colocou o time goiano na frente do marcador.

No segundo tempo, o Atlético Goianiense se sentiu mais à vontade e contou com o desespero do Fortaleza para sobressair e criar as principais oportunidades de gol. Em mais uma boa jogada de Wellington Rato, Felipe Alves salvou o Fortaleza. Zé Roberto também tentou logo na sequência, mas não alcançou o cruzamento de Arnaldo.

O Fortaleza ainda teve a "faca e o queijo" para empatar, mas Wellington Paulista, dentro da área, isolou. A situação, no entanto, piorou quando Juninho foi expulso aos 28 minutos, após segurar Janderson. Com um a mais, o Atlético Goianiense ampliou aos 34. No contra-ataque, João Victor deu bela assistência para Natanael. O lateral bateu bonito para fazer 2 a 0.

Nos minutos finais, o técnico Enderson Moreira tentou botar o Fortaleza no ataque e fez três mudanças, que não surtiram efeito. O Atlético Goianiense se fechou e acabou confirmando os três pontos.

Na próxima rodada, a 33.ª, o Atlético Goianiense enfrenta o São Paulo no domingo, às 16 horas, novamente no estádio Antônio Accioly. No mesmo dia, às 17 horas, o Fortaleza visita o Atlético-MG, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO GOIANIENSE 2 x 0 FORTALEZA

ATLÉTICO GOIANIENSE - Jean; Dudu, João Victor, Éder (Gilvan) e Natanael; Willian Maranhão (Baralhas), Marlon Freitas e Wellington Rato; Danilo Gomes (Arnaldo), Zé Roberto (Vitor) e Janderson. Técnico: Marcelo Cabo.

FORTALEZA - Felipe Alves; Gabriel Dias, Paulão, Jackson e Tinga; Juninho, Ronald (Luiz Henrique), Mariano Vázquez (João Paulo) e Osvaldo (Wellington Paulista); David (Éderson) e Yuri César (Derley). Técnico: Enderson Moreira.

GOLS - Jean (pênalti), aos 39 minutos do primeiro tempo; Natanael, aos 34 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - João Victor e Zé Roberto (Atlético Goianiense); Paulão (Fortaleza).

CARTÃO VERMELHO - Juninho (Fortaleza).

ÁRBITRO - Rafael Traci (SC).

RENDA E PÚBLICO - Jogo com portões fechados.

LOCAL - Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Com gol de goleiro, Atlético Goianiense bate Fortaleza e se distancia da degola


24/01/2021 | 20:45


O Atlético Goianiense entrou na zona de classificação à Copa Sul-Americana e, de quebra, se distanciou da área de descenso ao derrotar o Fortaleza pelo placar de 2 a 0, neste domingo, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia, pela 32.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Pior para o time cearense, que segue ameaçado pelo rebaixamento.

Com o resultado, o Atlético Goianiense subiu para a 12.ª colocação com 42 pontos, contra 35 do Fortaleza, o primeiro fora da zona de rebaixamento. O time goiano ainda pode ser ultrapassado pelo Red Bull Bragantino, que tem 41 e entra em campo nesta segunda-feira contra o Corinthians.

O primeiro tempo teve superioridade do Fortaleza, mas o nome do duelo foi Jean. O goleiro foi essencial para o Atlético Goianiense sair com a vitória parcial. A boa participação do arqueiro começou aos 11 minutos, quando fez grande defesa na tentativa de Mariano Vázquez. O time goiano até respondeu, mas sempre na bola parada. Natanael cruzou e Marlon Freitas cabeceou para fora.

O Fortaleza continuou em cima e contou com uma ajuda do VAR, que flagrou uma cotovelada, na bola, dentro da área, de João Victor, após tentativa de Yuri César: pênalti. Juninho foi para a cobrança e bateu no meio do gol. Jean ficou parado e fez a defesa.

O Atlético Goianiense respondeu na mesma moeda. Wellington Rato tabelou com Janderson e foi derrubado dentro da área por Paulão: pênalti. Jean foi para a cobrança e colocou o time goiano na frente do marcador.

No segundo tempo, o Atlético Goianiense se sentiu mais à vontade e contou com o desespero do Fortaleza para sobressair e criar as principais oportunidades de gol. Em mais uma boa jogada de Wellington Rato, Felipe Alves salvou o Fortaleza. Zé Roberto também tentou logo na sequência, mas não alcançou o cruzamento de Arnaldo.

O Fortaleza ainda teve a "faca e o queijo" para empatar, mas Wellington Paulista, dentro da área, isolou. A situação, no entanto, piorou quando Juninho foi expulso aos 28 minutos, após segurar Janderson. Com um a mais, o Atlético Goianiense ampliou aos 34. No contra-ataque, João Victor deu bela assistência para Natanael. O lateral bateu bonito para fazer 2 a 0.

Nos minutos finais, o técnico Enderson Moreira tentou botar o Fortaleza no ataque e fez três mudanças, que não surtiram efeito. O Atlético Goianiense se fechou e acabou confirmando os três pontos.

Na próxima rodada, a 33.ª, o Atlético Goianiense enfrenta o São Paulo no domingo, às 16 horas, novamente no estádio Antônio Accioly. No mesmo dia, às 17 horas, o Fortaleza visita o Atlético-MG, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO GOIANIENSE 2 x 0 FORTALEZA

ATLÉTICO GOIANIENSE - Jean; Dudu, João Victor, Éder (Gilvan) e Natanael; Willian Maranhão (Baralhas), Marlon Freitas e Wellington Rato; Danilo Gomes (Arnaldo), Zé Roberto (Vitor) e Janderson. Técnico: Marcelo Cabo.

FORTALEZA - Felipe Alves; Gabriel Dias, Paulão, Jackson e Tinga; Juninho, Ronald (Luiz Henrique), Mariano Vázquez (João Paulo) e Osvaldo (Wellington Paulista); David (Éderson) e Yuri César (Derley). Técnico: Enderson Moreira.

GOLS - Jean (pênalti), aos 39 minutos do primeiro tempo; Natanael, aos 34 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - João Victor e Zé Roberto (Atlético Goianiense); Paulão (Fortaleza).

CARTÃO VERMELHO - Juninho (Fortaleza).

ÁRBITRO - Rafael Traci (SC).

RENDA E PÚBLICO - Jogo com portões fechados.

LOCAL - Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;