Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 12 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

De La Rúa critica gestao de Menem durante posse


Do Diário OnLine

10/12/1999 | 11:49


O novo presidente da Argentina, Fernando De La Rúa, fez duras críticas, na manha desta sexta-feira, durante seu discurso de posse, à gestao de Carlos Menem na presidência. Ele disse que está assumindo o cargo, com as contas públicas em "estado deplorável" e que promete equilibrá-las. Além disso, atacou os escândalos de corrupçao e afirmou que vai combater esse mal.

De La Rúa também deu, durante seu pronunciamento, uma alfinetada na Gra-Bretanha, dizendo que sempre defenderá a soberania das Ilhas Malvinas. A declaraçao arrancou aplausos de todos os presentes e tornou a situaçao bastante constrangedora para o príncipe Andrew, que compareceu à cerimônia representando a Coroa Britânica.

Quanto ao Mercosul, De La Rúa disse considerar o bloco econômico de grande importância, mas que nao poupará esforços para defender a indústria argentina. " A globalizaçao é uma realidade, cujos riscos devemos prevenir. Nao devemos aceitar cegamente as regras(...) Devemos nos defender da liberdade de comércio", disse. No entanto, ele mostrou ser contra barreiras alfandegárias ou qualquer outro tipo de medida que trave o comércio entre os países.

Entre as promessas que fez, uma das que mais enfatizou foi um programa de melhorias sociais. Ele nao entrou em detalhes, apenas disse que deve viabilizar mais investimentos para a Saúde e Educaçao e criar empregos, especialmente na área de obras públicas. Também quer a colaboraçao das províncias e de outros Estados para combater o narcotráfico. Também disse que quer coibir a venda de armas ilegais na Argentina. Outra meta de De La Rúa é a modernizaçao das Forças Armadas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

De La Rúa critica gestao de Menem durante posse

Do Diário OnLine

10/12/1999 | 11:49


O novo presidente da Argentina, Fernando De La Rúa, fez duras críticas, na manha desta sexta-feira, durante seu discurso de posse, à gestao de Carlos Menem na presidência. Ele disse que está assumindo o cargo, com as contas públicas em "estado deplorável" e que promete equilibrá-las. Além disso, atacou os escândalos de corrupçao e afirmou que vai combater esse mal.

De La Rúa também deu, durante seu pronunciamento, uma alfinetada na Gra-Bretanha, dizendo que sempre defenderá a soberania das Ilhas Malvinas. A declaraçao arrancou aplausos de todos os presentes e tornou a situaçao bastante constrangedora para o príncipe Andrew, que compareceu à cerimônia representando a Coroa Britânica.

Quanto ao Mercosul, De La Rúa disse considerar o bloco econômico de grande importância, mas que nao poupará esforços para defender a indústria argentina. " A globalizaçao é uma realidade, cujos riscos devemos prevenir. Nao devemos aceitar cegamente as regras(...) Devemos nos defender da liberdade de comércio", disse. No entanto, ele mostrou ser contra barreiras alfandegárias ou qualquer outro tipo de medida que trave o comércio entre os países.

Entre as promessas que fez, uma das que mais enfatizou foi um programa de melhorias sociais. Ele nao entrou em detalhes, apenas disse que deve viabilizar mais investimentos para a Saúde e Educaçao e criar empregos, especialmente na área de obras públicas. Também quer a colaboraçao das províncias e de outros Estados para combater o narcotráfico. Também disse que quer coibir a venda de armas ilegais na Argentina. Outra meta de De La Rúa é a modernizaçao das Forças Armadas.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;