Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 1 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

São Paulo entra na fase mais restritiva de isolamento de noite e aos fins de semana

Divulgação/Governo do Estado Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Medida funcionará a partir de segunda-feira (25) até 7 de fevereiro; Grande ABC regrediu para fase laranja


Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

22/01/2021 | 12:29


Atualizada em 14h16

A partir de segunda-feira (25), todo o Estado seguirá regras mais duras de isolamento físico. Isso porque o governador João Doria (PSDB) anunciou - em coletiva de imprensa no início da tarde desta sexta-feira (22) - que São Paulo entrará na fase vermelha do plano de flexibilização, em que serão permitidos funcionar apenas os comércios essenciais, como mercados, padarias e farmácias. Já os bares, restaurantes e demais serviços não poderão abrir. Em dias úteis, as restrições vão valer das 20h às 6h, e aos fins de semana, durante todo o dia.

Para tentar frear o avanço da pandemia, a restrição é válida, a princípio, até 7 de fevereiro. Trata-se da terceira reclassificação em 15 dias feita pelo Estado de São Paulo. O coordenador Executivo do Centro de Contingência da Covid-19, João Gabbardo, pediu, durante a coletiva, que a população não espere pela segunda-feira para começar a seguir as medidas impostas. "Nós trabalhamos analisando os dados do passado, presente e realizando projeções futuras. O Estado, hoje, registra uma morte a cada seis minutos causada pela Covid-19", alerta. 

Além disso, o Grande ABC regrediu no plano de flexibilização. A região, que estava na Fase 3 (amarela), recuou para a Fase 2 (laranja), assim como a maioria dos municípios. Apenas Barretos, Franca, Presidente Prudente, Marília, Bauru, Sorocaba e Taubaté estão na Fase 1 (vermelha). 

DEMAIS MEDIDAS

Ainda na coletiva, Doria adiou a volta às aulas presenciais da rede pública de ensino. Ainda não há data prevista para o retorno. O Estado também anunciou que as cirurgias eletivas estão canceladas em todos os hospitais públicos e conveniados e que o Hospital de Campanha de Heliópolis, na Capital, será reativado para atendimento aos pacientes contaminados pela Covid-19. A taxa de ocupação das UTIs (Unidade de Terapia Intensiva) em todo Estado é de 71,1%. Na Grande São Paulo, que inclui o Grande ABC, a ocupação é de 71,6%. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Paulo entra na fase mais restritiva de isolamento de noite e aos fins de semana

Medida funcionará a partir de segunda-feira (25) até 7 de fevereiro; Grande ABC regrediu para fase laranja

Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

22/01/2021 | 12:29


Atualizada em 14h16

A partir de segunda-feira (25), todo o Estado seguirá regras mais duras de isolamento físico. Isso porque o governador João Doria (PSDB) anunciou - em coletiva de imprensa no início da tarde desta sexta-feira (22) - que São Paulo entrará na fase vermelha do plano de flexibilização, em que serão permitidos funcionar apenas os comércios essenciais, como mercados, padarias e farmácias. Já os bares, restaurantes e demais serviços não poderão abrir. Em dias úteis, as restrições vão valer das 20h às 6h, e aos fins de semana, durante todo o dia.

Para tentar frear o avanço da pandemia, a restrição é válida, a princípio, até 7 de fevereiro. Trata-se da terceira reclassificação em 15 dias feita pelo Estado de São Paulo. O coordenador Executivo do Centro de Contingência da Covid-19, João Gabbardo, pediu, durante a coletiva, que a população não espere pela segunda-feira para começar a seguir as medidas impostas. "Nós trabalhamos analisando os dados do passado, presente e realizando projeções futuras. O Estado, hoje, registra uma morte a cada seis minutos causada pela Covid-19", alerta. 

Além disso, o Grande ABC regrediu no plano de flexibilização. A região, que estava na Fase 3 (amarela), recuou para a Fase 2 (laranja), assim como a maioria dos municípios. Apenas Barretos, Franca, Presidente Prudente, Marília, Bauru, Sorocaba e Taubaté estão na Fase 1 (vermelha). 

DEMAIS MEDIDAS

Ainda na coletiva, Doria adiou a volta às aulas presenciais da rede pública de ensino. Ainda não há data prevista para o retorno. O Estado também anunciou que as cirurgias eletivas estão canceladas em todos os hospitais públicos e conveniados e que o Hospital de Campanha de Heliópolis, na Capital, será reativado para atendimento aos pacientes contaminados pela Covid-19. A taxa de ocupação das UTIs (Unidade de Terapia Intensiva) em todo Estado é de 71,1%. Na Grande São Paulo, que inclui o Grande ABC, a ocupação é de 71,6%. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;