Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 26 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Governadores concordam em doar 5% das vacinas que receberem para o Amazonas



22/01/2021 | 10:00


O Fórum dos Governadores concordou em destinar 5% das doses da vacina que os Estados irão receber para o Amazonas, principalmente Manaus. A proposta foi apresentada na quinta-feira, 21, pelo governador do Piauí, Wellington Dias (PT). Segundo ele, além de "uma questão humanitária", a ação é "estratégica" para evitar a transmissão para outras localidades do País. Em um vídeo publicado no Instagram nesta sexta-feira, 22, Dias comenta que a situação no Amazonas "é muito mais grave do que antes", em referência à semana passada, e aponta que o vírus já marca forte presença "na divisa com o Estado do Pará".

A proposta do governador é que, "na distribuição do novo lote de seis milhões de doses, que a gente possa tirar uma fatia maior, algo como 5%, cerca de 300 mil vacinas, para viabilizar a vacinação em Manaus e nesses municípios mais afetados, inclusive da divisa com os Estados".

Para Dias, ao controlar a situação em Manaus, "estamos controlando também no Brasil". Ainda no Twitter, o governador reforçou: "torço para que a proposta seja implementada".

O recebimento de imunizantes extras pelo Amazonas foi proposto diante do colapso de saúde e da falta de oxigênio registrados na capital amazonense desde a última semana e que vem se espalhando pelos demais municípios. Segundo o governador do Piauí, a ação foi aprovada por parte dos governadores e apoiada pelo Ministério da Saúde.

Ainda nesta sexta-feira, o Brasil deve receber 2 milhões de doses do imunizante da Oxford/Astrazeneca vindas da Índia.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Governadores concordam em doar 5% das vacinas que receberem para o Amazonas


22/01/2021 | 10:00


O Fórum dos Governadores concordou em destinar 5% das doses da vacina que os Estados irão receber para o Amazonas, principalmente Manaus. A proposta foi apresentada na quinta-feira, 21, pelo governador do Piauí, Wellington Dias (PT). Segundo ele, além de "uma questão humanitária", a ação é "estratégica" para evitar a transmissão para outras localidades do País. Em um vídeo publicado no Instagram nesta sexta-feira, 22, Dias comenta que a situação no Amazonas "é muito mais grave do que antes", em referência à semana passada, e aponta que o vírus já marca forte presença "na divisa com o Estado do Pará".

A proposta do governador é que, "na distribuição do novo lote de seis milhões de doses, que a gente possa tirar uma fatia maior, algo como 5%, cerca de 300 mil vacinas, para viabilizar a vacinação em Manaus e nesses municípios mais afetados, inclusive da divisa com os Estados".

Para Dias, ao controlar a situação em Manaus, "estamos controlando também no Brasil". Ainda no Twitter, o governador reforçou: "torço para que a proposta seja implementada".

O recebimento de imunizantes extras pelo Amazonas foi proposto diante do colapso de saúde e da falta de oxigênio registrados na capital amazonense desde a última semana e que vem se espalhando pelos demais municípios. Segundo o governador do Piauí, a ação foi aprovada por parte dos governadores e apoiada pelo Ministério da Saúde.

Ainda nesta sexta-feira, o Brasil deve receber 2 milhões de doses do imunizante da Oxford/Astrazeneca vindas da Índia.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;