Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 2 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Buraco enorme tira sono de munícipes em Mauá

Denis Maciel/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Cratera, no Centro, se formou depois de fortes chuvas na região; moradores cobram providências


Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

19/01/2021 | 00:01


Moradores e comerciantes da Vila Guarani, no Centro de Mauá, convivem com enorme buraco desde meados de dezembro e, segundo eles, parece que o problema está longe de ser resolvido. A cratera, que está localizada na Rua Doutor Getúlio Vargas, esquina com a Rua Amador Bueno, tem aproximadamente 1 metro de comprimento e desafia munícipes e veículos que passam pelo local todos os dias. Segundo os moradores, o buraco se abriu no dia 10 de dezembro.

A esquina é bem movimentada, o que gera ainda mais preocupação. Apesar de a rua ser via de mão única, diariamente passam centenas de pessoas por lá e à noite o problema ainda pode piorar. Mesmo com o burado sinalizado com cavaletes, quem passa no local só consegue enxergar o tamanho do buraco quando se apromixa, o que pode causar acidentes. Outro problema são os pedestres que, para se desvencilhar, acabam avançando para a rua.

Comerciantes e moradores ainda lembram que, no ano passado, o buraco chegou a receber cerca de três serviços da Prefeitura – na gestão do ex-prefeito da cidade Atila Jacomussi (PSB) –, mas, em período de fortes chuvas o trabalho todo é desfeito e a cratera reaparece.

“Ficou um serviço ruim, já que praticamente não adiantou nada. Se o serviço só de tampar funcionasse, isso não aconteceria. Tem algo a mais aqui que eles (Prefeitura) ainda não descobriram e, enquanto isso, ficamos esperando que o problema seja solucionado”, comenta a moradora e vendedora Jéssica Rodrigues, 26 anos.

Já outros munícipes acreditam que o problema esteja na galeria de águas fluviais, que está rompida e também tem causado vazamentos “Essa rua dá acesso a escola, comércios e, em horário de pico, sempre tem trânsito. É necessário abrir o buraco e descobrir o que realmente está acontecendo, pois se tampar mais uma vez, não vai funcionar, vai afundar e acontecer tudo de novo, como sempre aconteceu”, completa a vendedora. 

A mobilização por melhoria já chegou nas redes sociais e agora os moradores cobram da nova gestão, sob responsabilidade do prefeito eleito, Marcelo Oliveira (PT). 

Questionada sobre o problema, a Prefeitura não respondeu à demanda do Diário até o fechamento desta edição.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Buraco enorme tira sono de munícipes em Mauá

Cratera, no Centro, se formou depois de fortes chuvas na região; moradores cobram providências

Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

19/01/2021 | 00:01


Moradores e comerciantes da Vila Guarani, no Centro de Mauá, convivem com enorme buraco desde meados de dezembro e, segundo eles, parece que o problema está longe de ser resolvido. A cratera, que está localizada na Rua Doutor Getúlio Vargas, esquina com a Rua Amador Bueno, tem aproximadamente 1 metro de comprimento e desafia munícipes e veículos que passam pelo local todos os dias. Segundo os moradores, o buraco se abriu no dia 10 de dezembro.

A esquina é bem movimentada, o que gera ainda mais preocupação. Apesar de a rua ser via de mão única, diariamente passam centenas de pessoas por lá e à noite o problema ainda pode piorar. Mesmo com o burado sinalizado com cavaletes, quem passa no local só consegue enxergar o tamanho do buraco quando se apromixa, o que pode causar acidentes. Outro problema são os pedestres que, para se desvencilhar, acabam avançando para a rua.

Comerciantes e moradores ainda lembram que, no ano passado, o buraco chegou a receber cerca de três serviços da Prefeitura – na gestão do ex-prefeito da cidade Atila Jacomussi (PSB) –, mas, em período de fortes chuvas o trabalho todo é desfeito e a cratera reaparece.

“Ficou um serviço ruim, já que praticamente não adiantou nada. Se o serviço só de tampar funcionasse, isso não aconteceria. Tem algo a mais aqui que eles (Prefeitura) ainda não descobriram e, enquanto isso, ficamos esperando que o problema seja solucionado”, comenta a moradora e vendedora Jéssica Rodrigues, 26 anos.

Já outros munícipes acreditam que o problema esteja na galeria de águas fluviais, que está rompida e também tem causado vazamentos “Essa rua dá acesso a escola, comércios e, em horário de pico, sempre tem trânsito. É necessário abrir o buraco e descobrir o que realmente está acontecendo, pois se tampar mais uma vez, não vai funcionar, vai afundar e acontecer tudo de novo, como sempre aconteceu”, completa a vendedora. 

A mobilização por melhoria já chegou nas redes sociais e agora os moradores cobram da nova gestão, sob responsabilidade do prefeito eleito, Marcelo Oliveira (PT). 

Questionada sobre o problema, a Prefeitura não respondeu à demanda do Diário até o fechamento desta edição.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;