Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 15 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Guerra declarada

Caiu como uma bomba no PT de Mauá a revelação de que o grupo ligado ao prefeito Oswaldo Dias está tentando fazer com que o deputado estadual


Do Diário do Grande ABC

01/10/2009 | 00:00


Caiu como uma bomba no PT de Mauá a revelação de que o grupo ligado ao prefeito Oswaldo Dias está tentando fazer com que o deputado estadual Donisete Braga convença o ex-vice-prefeito e atual secretário de Governo de Araçatuba, Márcio Chaves, a desistir da candidatura a deputado federal. Caso contrário, lançariam o filho do prefeito, Leandro Dias, a estadual, apenas para atrapalhar a reeleição de Donisete. Ontem, Márcio Chaves - que perdeu para Oswaldo a prévia que escolheu o prefeiturável da legenda e desde então não esconde mais o racha com o chefe do Executivo - disse que a ameaça não o fará desistir da candidatura. "Eles não vão conseguir criar indisposição entre Donisete e eu. Sou muito leal a ele, que esteve ao meu lado quando minha candidatura a prefeito foi cassada, em 2004. Agora não haverá Túnel do Tempo para me tirar do páreo", provocou Márcio, em alusão ao fato de Oswaldo, então prefeito, não ter cancelado exposição que resultou na retirada de Márcio da eleição. Ele também disse que hoje está no Interior para não criar constrangimento a seu desafeto. "O Oswaldo não me chamaria para ser secretário nem eu aceitaria. Para ocupar cargo deste tipo, precisa haver relação de confiança." Isto porque nem estamos em ano eleitoral...

Bastidores

Estava sim

O tesoureiro do PMDB de Santo André, Walter Nicoluche, saiu em defesa do presidente da Câmara da cidade, Sargento Juliano, que não foi visto por diversos peemedebistas no encontro regional promovido pela legenda estadual em Diadema, no sábado. Segundo Nicoluche, Juliano ficou cerca de meia hora no espaço, pela manhã, já que participaria logo depois de entrega de apartamentos em Santo André com o prefeito Aidan Ravin (PTB). As más línguas do partido dizem que quem chegou tarde à cerimônia foi justamente a recém-filiada, a deputada estadual Vanessa Damo (Mauá).

Mais perto de Volpi

O prefeito de São Caetano e presidente do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, José Auricchio Júnior (PTB), estará literalmente mais próximo de Volpi. Nesse caso, não exatamente o prefeito de Ribeirão Pires, Clóvis Volpi (PV), com quem ele tem ótima relação política. É que o local onde Auricchio irá morar em breve, no bairro Santa Paula, se chama-se Edifício Volpi, provavelmente em homenagem ao pintor italino radicado no Brasil Alfredo Volpi.

Magoou

Não caiu bem dentro do tucanato de Santo André a declaração do coordenador regional do partido, Cezar de Carvalho, de Ribeirão Pires, de que somente agora, com a entrada no partido do ex-prefeito de São Bernardo William Dib, a legenda teria candidato forte para deputado federal. A reclamação partiu de aliados do vereador andreense Paulinho Serra, que não tem demonstrado nenhuma intenção de desistir da candidatura à Câmara Federal. Os tucanos da cidade dizem que Cezar precisa cuidar do partido em Ribeirão antes de falar sobre a região. Pelo jeito, vai ser necessária muita conversa para o clima acalmar no ninho do PSDB...



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;