Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 18 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

São Bernardo FC mira acesso e negocia área para ter CT

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

No 16º aniversário do Tigre, presidente traça planos para 2021, revela obtenção de local para centro de treinamento e relembra Marcelo Veiga


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

20/12/2020 | 00:01


O São Bernardo FC completa hoje seu 16º aniversário. Um ano depois de ser adquirido pela Magnum, teve uma temporada na qual bateu na trave em ambos os campeonatos que participou, sendo semifinalista nos dois (Série A-2 e Copa Paulista), mas eliminado a um passo da final. Para 2021, entretanto, os planos do presidente Tony Moreno são montar um time tão ou mais competitivo e alcançar tanto o acesso à elite quanto uma vaga em alguma competição nacional. “Pretendemos corrigir algumas falhas que tenhamos tido e vamos atrás desses objetivos novamente. Temos todas as condições de conseguir chegar lá em 2021. Vamos nos preparar”, pontuou.

Além disso, o mandatário revelou que, em um futuro próximo, a equipe poderá deixar Atibaia, onde treina e se hospeda, para um CT (centro de treinamento) que será construído na cidade. A intenção do dirigente é utilizar uma fórmula que o Santos FC usou entre as décadas de 1960 e 1980, na Chácara Nicolau Moran: ter local às margens da represa Billings para montar a estrutura. “Esse projeto está totalmente no nosso objetivo. Avançou. Estamos quase terminando a obtenção de uma área onde vamos fazer o CT da base e do profissional, na beira da represa”, destacou Tony Moreno. 

O local que está sendo cobiçado pelo Tigre já tem estrutura existente, mas terá de passar por reforma para atender as necessidades do São Bernardo FC. Ainda segundo o dirigente, a intenção é fechar o negócio em breve. “Para obtenção do terreno o prazo é razoavelmente curto. A implantação do CT vai ser em função de projeto tipo plano diretor que vamos fazer o que objetivamos, executando conforme as prioridades. Difícil dizer (quando estará pronto), porque enquanto não tiver projeto preliminar não consigo uma resposta para isso. Vai ser uma novidade que trará muitos frutos para nós e, principalmente, à cidade e à população de São Bertnardo”, emendou.

Assim, coloca um ponto final às especulações que sempre surgem sobre o time deixar a cidade por falta de local para trabalhar – apesar de admitir ter recebido propostas para levar o Tigre embora. “Já tivemos conversas <CF51>(com alguns municípios)</CF>, mas vamos ficar em São Bernardo. Esperamos que as autoridades contribuam conosco com o que tivermos de necessidade, porque queremos ser parceiros. Temos potencial e um objetivo é que população da cidade, torcedora, tenha a certeza que nossos objetivos são os melhores possíveis e queremos todos com a gente.”

O presidente espera também ter mais diálogo com a Prefeitura são-bernardense, na tentativa de estreitar o relacionamento, o qual é mínimo desde que a empresa assumiu o controle do Tigre. “Queremos conversar com a administração. Primeiro instante parecia que não teríamos essa sequência e contribuição, mas hoje a realidade é diferente e queremos conversar, porque nossa parceria com as autoridades é importante.”

HOMENAGEM E ASSISTÊNCIA

Marcelo Veiga, que morreu na semana passada, vítima da Covid-19, era considerado dentro do Tigre como peça-chave no trabalho, muito além dos treinos diários, mas também com participação ativa na formação do elenco, integração com a base e outros assuntos. “Ele era muito querido e tinha liderança muito forte. Psicologicamente um comando firme de todos os atletas, da comissão, infelizmente todos ficamos muito sensibilizados com essa desgraça que aconteceu”, lamentou Tony Moreno, que prometeu ajudar a família de Marcelo Veiga. “Desde quando ficou doente ajudamos muito a família em tudo o que estava ao alcance. E sempre vamos ter a responsabilidade de ajudar dentro do que for possível”, comprometeu-se.

O presidente declarou que a diretoria ainda não tem novo treinador para o time – o auxiliar Sérgio Ricardo está interinamente na função. “Não está definido. Estamos vendo todas as alternativas. Vamos buscar pessoa para, pelo menos, suprir o que o Marcelo Veiga foi para nós, mas vamos tentar.”

ANIVERSÁRIO

Como mensagem ao clube e à torcida em celebração ao aniversário, o mandatário bradou. “Satisfação muito grande comemorar esse aniversário do São Bernardo FC e quero dizer que as tradições serão mantidas, estaremos juntos e vamos chegar lá, em vários objetivos. A torcida merece. Estamos fazendo de tudo para representar o nome da cidade, que temos orgulho”, concluiu.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Bernardo FC mira acesso e negocia área para ter CT

No 16º aniversário do Tigre, presidente traça planos para 2021, revela obtenção de local para centro de treinamento e relembra Marcelo Veiga

Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

20/12/2020 | 00:01


O São Bernardo FC completa hoje seu 16º aniversário. Um ano depois de ser adquirido pela Magnum, teve uma temporada na qual bateu na trave em ambos os campeonatos que participou, sendo semifinalista nos dois (Série A-2 e Copa Paulista), mas eliminado a um passo da final. Para 2021, entretanto, os planos do presidente Tony Moreno são montar um time tão ou mais competitivo e alcançar tanto o acesso à elite quanto uma vaga em alguma competição nacional. “Pretendemos corrigir algumas falhas que tenhamos tido e vamos atrás desses objetivos novamente. Temos todas as condições de conseguir chegar lá em 2021. Vamos nos preparar”, pontuou.

Além disso, o mandatário revelou que, em um futuro próximo, a equipe poderá deixar Atibaia, onde treina e se hospeda, para um CT (centro de treinamento) que será construído na cidade. A intenção do dirigente é utilizar uma fórmula que o Santos FC usou entre as décadas de 1960 e 1980, na Chácara Nicolau Moran: ter local às margens da represa Billings para montar a estrutura. “Esse projeto está totalmente no nosso objetivo. Avançou. Estamos quase terminando a obtenção de uma área onde vamos fazer o CT da base e do profissional, na beira da represa”, destacou Tony Moreno. 

O local que está sendo cobiçado pelo Tigre já tem estrutura existente, mas terá de passar por reforma para atender as necessidades do São Bernardo FC. Ainda segundo o dirigente, a intenção é fechar o negócio em breve. “Para obtenção do terreno o prazo é razoavelmente curto. A implantação do CT vai ser em função de projeto tipo plano diretor que vamos fazer o que objetivamos, executando conforme as prioridades. Difícil dizer (quando estará pronto), porque enquanto não tiver projeto preliminar não consigo uma resposta para isso. Vai ser uma novidade que trará muitos frutos para nós e, principalmente, à cidade e à população de São Bertnardo”, emendou.

Assim, coloca um ponto final às especulações que sempre surgem sobre o time deixar a cidade por falta de local para trabalhar – apesar de admitir ter recebido propostas para levar o Tigre embora. “Já tivemos conversas <CF51>(com alguns municípios)</CF>, mas vamos ficar em São Bernardo. Esperamos que as autoridades contribuam conosco com o que tivermos de necessidade, porque queremos ser parceiros. Temos potencial e um objetivo é que população da cidade, torcedora, tenha a certeza que nossos objetivos são os melhores possíveis e queremos todos com a gente.”

O presidente espera também ter mais diálogo com a Prefeitura são-bernardense, na tentativa de estreitar o relacionamento, o qual é mínimo desde que a empresa assumiu o controle do Tigre. “Queremos conversar com a administração. Primeiro instante parecia que não teríamos essa sequência e contribuição, mas hoje a realidade é diferente e queremos conversar, porque nossa parceria com as autoridades é importante.”

HOMENAGEM E ASSISTÊNCIA

Marcelo Veiga, que morreu na semana passada, vítima da Covid-19, era considerado dentro do Tigre como peça-chave no trabalho, muito além dos treinos diários, mas também com participação ativa na formação do elenco, integração com a base e outros assuntos. “Ele era muito querido e tinha liderança muito forte. Psicologicamente um comando firme de todos os atletas, da comissão, infelizmente todos ficamos muito sensibilizados com essa desgraça que aconteceu”, lamentou Tony Moreno, que prometeu ajudar a família de Marcelo Veiga. “Desde quando ficou doente ajudamos muito a família em tudo o que estava ao alcance. E sempre vamos ter a responsabilidade de ajudar dentro do que for possível”, comprometeu-se.

O presidente declarou que a diretoria ainda não tem novo treinador para o time – o auxiliar Sérgio Ricardo está interinamente na função. “Não está definido. Estamos vendo todas as alternativas. Vamos buscar pessoa para, pelo menos, suprir o que o Marcelo Veiga foi para nós, mas vamos tentar.”

ANIVERSÁRIO

Como mensagem ao clube e à torcida em celebração ao aniversário, o mandatário bradou. “Satisfação muito grande comemorar esse aniversário do São Bernardo FC e quero dizer que as tradições serão mantidas, estaremos juntos e vamos chegar lá, em vários objetivos. A torcida merece. Estamos fazendo de tudo para representar o nome da cidade, que temos orgulho”, concluiu.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;