Fechar
Publicidade

Domingo, 18 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Prefeitura do Rio anuncia cancelamento da festa de Réveillon

Pixabay Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


15/12/2020 | 18:41


A prefeitura do Rio anunciou no fim da tarde desta terça-feira, 15, que o réveillon oficial da cidade está cancelado devido à pandemia. A tradicional queima de fogos na orla de Copacabana já havia sido cancelada, mas desde outubro a Riotur anunciava uma festa da virada em formato diferente, com shows em locais fechados, sem público e com transmissão por vídeo. Agora, nem mesmo esses irão acontecer.

"Esta é uma decisão necessária para a proteção de todos. A festa será a da esperança por bons resultados das vacinas para conter a pandemia. Será ainda um momento de reflexão sobre um ano difícil, de luta, com lamentáveis perdas de tantas pessoas. E será também hora de dar graças a Deus pelas vidas salvas", declarou, em nota, o prefeito Marcelo Crivella.

A ideia inicial da Prefeitura era a de organizar uma festa com seis palcos espalhados em pontos turísticos emblemáticos do Rio, ainda que sem presença de público. Os shows seriam transmitidos pela TV em canal aberto, além de plataformas digitais. Tudo isso seria bancado pela iniciativa privada.

O aumento de casos de contágio de coronavírus nas últimas semanas, contudo, obrigou o cancelamento definitivo. "Quando anunciamos o novo modelo para o Réveillon Rio 2021, falamos em responsabilidade social. O nosso discurso permanece. O motivo do cancelamento nada mais é que uma decisão consciente e responsável", afirmou o presidente da Riotur, Fabricio Villa Flor.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Prefeitura do Rio anuncia cancelamento da festa de Réveillon


15/12/2020 | 18:41


A prefeitura do Rio anunciou no fim da tarde desta terça-feira, 15, que o réveillon oficial da cidade está cancelado devido à pandemia. A tradicional queima de fogos na orla de Copacabana já havia sido cancelada, mas desde outubro a Riotur anunciava uma festa da virada em formato diferente, com shows em locais fechados, sem público e com transmissão por vídeo. Agora, nem mesmo esses irão acontecer.

"Esta é uma decisão necessária para a proteção de todos. A festa será a da esperança por bons resultados das vacinas para conter a pandemia. Será ainda um momento de reflexão sobre um ano difícil, de luta, com lamentáveis perdas de tantas pessoas. E será também hora de dar graças a Deus pelas vidas salvas", declarou, em nota, o prefeito Marcelo Crivella.

A ideia inicial da Prefeitura era a de organizar uma festa com seis palcos espalhados em pontos turísticos emblemáticos do Rio, ainda que sem presença de público. Os shows seriam transmitidos pela TV em canal aberto, além de plataformas digitais. Tudo isso seria bancado pela iniciativa privada.

O aumento de casos de contágio de coronavírus nas últimas semanas, contudo, obrigou o cancelamento definitivo. "Quando anunciamos o novo modelo para o Réveillon Rio 2021, falamos em responsabilidade social. O nosso discurso permanece. O motivo do cancelamento nada mais é que uma decisão consciente e responsável", afirmou o presidente da Riotur, Fabricio Villa Flor.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;