Fechar
Publicidade

Domingo, 13 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

"São Paulo começa a vacinação em janeiro", diz Doria

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Governo deverá divulgar na segunda-feira o cronograma de vacinação estadual; governador criticou anúncio do Ministério Público de que a imunização terá início só em março


Miriam Gimenes
Do Diário do Grande ABC

03/12/2020 | 12:49


O anuncio feito pelo Ministro da Saúde Eduardo Pazuello ontem, de que as vacinas estarão liberadas apenas em março para aplicação, causou descontentamento ao governador João Doria (PSDB) e os demais representantes do comitê do Centro de Contingência no combate ao coronavírus. O grupo acaba de opinar sobre a declaração em coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo. "São, em média, 500 brasileiros que morrem ao dia. Vão esperar morrer mais quantos até liberar a vacinação? Sessenta mil brasileiros podem morrer por causa da irresponsabilidade de um governo negacionista. Independente da decisão do governo federal, a população de São Paulo será vacinada a partir de janeiro", garantiu Doria. Na segunda-feira, o Estado deverá anunciar o cronograma de imunização.

O governador diz isso no dia em que o segundo lote de doses da Coronavac, vacinadesenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantã, chegou a São Paulo. O Estado já havia recebido 120 mil doses da Coronavac em novembro.

"Nós estamos perplexos desta vacinação começar apenas em março. Em janeiro teremos milhares de pessoas que vão ficar doentes, vão internar, entrar a óbito, infelizmente. Em janeiro já teremos a vacina no Brasil. No meu entendimento, no momento que o Butantan entregar o resultado da fase 3, previsto para o dia 15, a vacina estará técnica e formalmente apta a ser utilizada em caráter emergencial. Todas as colocações ontem anunciads pelo Ministério da Saúde para que a vacina preencha requisitos para uso emergencial estão sendo cumpridas pela Coronavac. Poderá ser usada, então, pelos primeiros grupos", diz o secretário-executivo do Centro de Contingência, João Gabbardo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;