Fechar
Publicidade

Sábado, 21 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Brasil fica com a prata na II Copa Petrobras de Handebol Feminino


Das Agências

04/06/2006 | 16:34


O clima frio e a chuva fina não impediram que a torcida do Brasil comparecesse neste domingo em bom número ao Ginásio de Esportes Rozendo Vasconcelos Lima, em Florianópolis (SC), para assistir a final da II Copa Petrobras de Handebol Feminino. Com o apoio da torcida, a Seleção jogou bonito, mas não fez o bastante para vencer as húngaras, e ficou com a medalha de prata da competição.

A prata, no entanto, veio com sabor de ouro, porque as húngaras conquistaram o primeiro lugar no saldo de gols. As duas seleções terminaram o torneio invictas.

O jogo foi emocionante e equilibrado. Faltando segundos para o término, a pivô brasileira Juceli Rosa fez o gol que garantiu o empate em 34 a 34. O título teve que ser definido no critério de desempate. Na soma geral de gols, a Hungria levou a melhor e ficou com a medalha de ouro. Foram 128 contra 102 anotados pelo Brasil.

Na decisão da medalha de bronze, a Argentina venceu o Uruguai pelo placar de 29 a 15.

O próximo compromisso do Brasil é um desafio contra a equipe húngara, nas cidades de Cascavel e Foz do Iguaçu, nos dias 6 e 7.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Brasil fica com a prata na II Copa Petrobras de Handebol Feminino

Das Agências

04/06/2006 | 16:34


O clima frio e a chuva fina não impediram que a torcida do Brasil comparecesse neste domingo em bom número ao Ginásio de Esportes Rozendo Vasconcelos Lima, em Florianópolis (SC), para assistir a final da II Copa Petrobras de Handebol Feminino. Com o apoio da torcida, a Seleção jogou bonito, mas não fez o bastante para vencer as húngaras, e ficou com a medalha de prata da competição.

A prata, no entanto, veio com sabor de ouro, porque as húngaras conquistaram o primeiro lugar no saldo de gols. As duas seleções terminaram o torneio invictas.

O jogo foi emocionante e equilibrado. Faltando segundos para o término, a pivô brasileira Juceli Rosa fez o gol que garantiu o empate em 34 a 34. O título teve que ser definido no critério de desempate. Na soma geral de gols, a Hungria levou a melhor e ficou com a medalha de ouro. Foram 128 contra 102 anotados pelo Brasil.

Na decisão da medalha de bronze, a Argentina venceu o Uruguai pelo placar de 29 a 15.

O próximo compromisso do Brasil é um desafio contra a equipe húngara, nas cidades de Cascavel e Foz do Iguaçu, nos dias 6 e 7.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;