Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Quero seguir presidente da Câmara, afirma Pedrinho

DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Atual mandatário do Legislativo andreense busca reeleição e usa diálogo como trunfo


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

01/12/2020 | 00:21


O presidente da Câmara de Santo André e vereador mais bem votado na eleição do dia 15, com 5.713 votos, Pedrinho Botaro (PSDB), disse querer continuar à frente do Legislativo no próximo biênio. O tucano, em visita ao Diário, exaltou sua gestão na direção da casa entre 2019 e 2020 e declarou intenção de continuar por mais dois anos para consolidar o trabalho feito na casa – em especial com relação à modernização do sistema e de adoção de normas de transparência legislativa.

“Sou candidato no dia 1º de janeiro. Dá orgulho na economia que implementamos, nos novos procedimentos adotados, na modernização, na transparência. Obviamente que contando com o diálogo, com o respeito aos demais colegas. Aliás, o diálogo é marca que eu acredito ter”, comentou o tucano.

O político disse já ter iniciado conversas com vereadores eleitos – houve renovação de 62% na Câmara. E acredita ser possível buscar ampla coalizão, a exemplo do bloco que o elegeu no fim de 2018. Ele tem, por exemplo, a petista Bete Siraque como vice. “Em nenhum momento tivemos algum dissabor na gestão da Câmara por causa da bandeira partidária.”

Sobre o parlamentar Professor Minhoca (PSDB), reeleito com 5.567 votos e que lançou candidatura a presidente do Legislativo, Pedrinho argumentou ser parte da democracia. Porém, salientou que Minhoca divulgou suas pretensões internas sem buscar conversa anterior. “É um cara que tem meu respeito. Tem posição para assumir outras funções, como secretário, líder do governo ou até presidente se o conjunto do grupo liderado pelo prefeito Paulo Serra assim entender. Mas, no frigir dos ovos, ele precisará ceder ao desejo do grupo porque não dá para ser candidato dele mesmo.”

Pedrinho alegou não ter desejo de assumir secretaria no momento e evitou antecipar participação em outras eleições. “Hoje meu pensamento é ser reeleito presidente. Quem anunciar que é pré-candidato a deputado, ainda mais se for vereador, é antecipar o debate. Um democrata pensa no governo e não apenas em eleição.” 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Quero seguir presidente da Câmara, afirma Pedrinho

Atual mandatário do Legislativo andreense busca reeleição e usa diálogo como trunfo

Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

01/12/2020 | 00:21


O presidente da Câmara de Santo André e vereador mais bem votado na eleição do dia 15, com 5.713 votos, Pedrinho Botaro (PSDB), disse querer continuar à frente do Legislativo no próximo biênio. O tucano, em visita ao Diário, exaltou sua gestão na direção da casa entre 2019 e 2020 e declarou intenção de continuar por mais dois anos para consolidar o trabalho feito na casa – em especial com relação à modernização do sistema e de adoção de normas de transparência legislativa.

“Sou candidato no dia 1º de janeiro. Dá orgulho na economia que implementamos, nos novos procedimentos adotados, na modernização, na transparência. Obviamente que contando com o diálogo, com o respeito aos demais colegas. Aliás, o diálogo é marca que eu acredito ter”, comentou o tucano.

O político disse já ter iniciado conversas com vereadores eleitos – houve renovação de 62% na Câmara. E acredita ser possível buscar ampla coalizão, a exemplo do bloco que o elegeu no fim de 2018. Ele tem, por exemplo, a petista Bete Siraque como vice. “Em nenhum momento tivemos algum dissabor na gestão da Câmara por causa da bandeira partidária.”

Sobre o parlamentar Professor Minhoca (PSDB), reeleito com 5.567 votos e que lançou candidatura a presidente do Legislativo, Pedrinho argumentou ser parte da democracia. Porém, salientou que Minhoca divulgou suas pretensões internas sem buscar conversa anterior. “É um cara que tem meu respeito. Tem posição para assumir outras funções, como secretário, líder do governo ou até presidente se o conjunto do grupo liderado pelo prefeito Paulo Serra assim entender. Mas, no frigir dos ovos, ele precisará ceder ao desejo do grupo porque não dá para ser candidato dele mesmo.”

Pedrinho alegou não ter desejo de assumir secretaria no momento e evitou antecipar participação em outras eleições. “Hoje meu pensamento é ser reeleito presidente. Quem anunciar que é pré-candidato a deputado, ainda mais se for vereador, é antecipar o debate. Um democrata pensa no governo e não apenas em eleição.” 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;