Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 25 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Autoridades dos EUA antitruste preparam novos processos contra Facebook e Google



30/11/2020 | 13:23


As autoridades antitruste federais e estaduais dos Estados Unidos se preparam para abrir quatro novos processos contra o Facebook e o Google até o final de janeiro, disseram pessoas familiarizadas com o assunto. O objetivo é investigar se as gigantes de tecnologia abusaram de seu poder na Internet - o Google para dominar as buscas e a publicidade e o Facebook para dominar as mídias sociais.

As empresas negam as acusações, dizendo que operam em mercados altamente competitivos, que beneficiariam os consumidores.

O Facebook está sob críticas específicas de republicanos e democratas no Congresso, bem como do presidente eleito dos EUA, Joe Biden, por suas políticas de moderação de conteúdo.

Os democratas geralmente afirmam que a empresa tem sido muito negligente no policiamento de discursos enganosos, enquanto os republicanos dizem que o Facebook suprime discursos dos conservadores. Se a companhia de mídia social for processada, será a primeira ação antitruste do governo americano contra o Facebook.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Autoridades dos EUA antitruste preparam novos processos contra Facebook e Google


30/11/2020 | 13:23


As autoridades antitruste federais e estaduais dos Estados Unidos se preparam para abrir quatro novos processos contra o Facebook e o Google até o final de janeiro, disseram pessoas familiarizadas com o assunto. O objetivo é investigar se as gigantes de tecnologia abusaram de seu poder na Internet - o Google para dominar as buscas e a publicidade e o Facebook para dominar as mídias sociais.

As empresas negam as acusações, dizendo que operam em mercados altamente competitivos, que beneficiariam os consumidores.

O Facebook está sob críticas específicas de republicanos e democratas no Congresso, bem como do presidente eleito dos EUA, Joe Biden, por suas políticas de moderação de conteúdo.

Os democratas geralmente afirmam que a empresa tem sido muito negligente no policiamento de discursos enganosos, enquanto os republicanos dizem que o Facebook suprime discursos dos conservadores. Se a companhia de mídia social for processada, será a primeira ação antitruste do governo americano contra o Facebook.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;