Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Bolsonaro viaja ao Rio de Janeiro para votar no segundo turno das eleições



29/11/2020 | 09:37


O presidente Jair Bolsonaro viaja neste domingo, 29, ao Rio de Janeiro para votar no segundo turno das eleições municipais. O chefe do Executivo deixou o Palácio da Alvorada por volta das 8h20, seguiu em direção à base aérea de Brasília e já embarcou. Ele deve votar por volta das 11h e retornar à Brasília no início da tarde.

No Rio, Bolsonaro apoia Marcello Crivella (Republicanos), que concorre à reeleição contra o ex-prefeito Eduardo Paes (DEM). Diferentemente do primeiro turno, Bolsonaro evitou se envolver na segunda etapa das votações. Como o Broadcast Político/Estadão mostrou, o presidente reforçou seu apoio a Crivella, mas evitou se envolver diretamente no pleito ou aparecer em agendas públicas com o candidato.

O envolvimento de Bolsonaro era visto pela campanha do prefeito como fundamental para reverter a desvantagem em relação a Eduardo Paes, que lidera com folga as pesquisas de intenção de voto.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Bolsonaro viaja ao Rio de Janeiro para votar no segundo turno das eleições


29/11/2020 | 09:37


O presidente Jair Bolsonaro viaja neste domingo, 29, ao Rio de Janeiro para votar no segundo turno das eleições municipais. O chefe do Executivo deixou o Palácio da Alvorada por volta das 8h20, seguiu em direção à base aérea de Brasília e já embarcou. Ele deve votar por volta das 11h e retornar à Brasília no início da tarde.

No Rio, Bolsonaro apoia Marcello Crivella (Republicanos), que concorre à reeleição contra o ex-prefeito Eduardo Paes (DEM). Diferentemente do primeiro turno, Bolsonaro evitou se envolver na segunda etapa das votações. Como o Broadcast Político/Estadão mostrou, o presidente reforçou seu apoio a Crivella, mas evitou se envolver diretamente no pleito ou aparecer em agendas públicas com o candidato.

O envolvimento de Bolsonaro era visto pela campanha do prefeito como fundamental para reverter a desvantagem em relação a Eduardo Paes, que lidera com folga as pesquisas de intenção de voto.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;