Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Região ultrapassa 3.000 mortes causadas pelo coronavírus

Nario Barbosa/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Marca foi atingida após prefeituras confirmarem mais seis óbitos neste sábado (28)


Flavia Kurotori
Do Diário do Grande ABC

28/11/2020 | 19:04


Enquanto países da Europa e os Estados Unidos passam pela segunda onda de infecção do novo coronavírus, o Brasil enfrenta mais um pico de casos, internações e óbitos. No Grande ABC, não é diferente. Ao mesmo tempo em que máscaras, álcool gel e o distanciamento físico se tornaram parte da rotina, o vírus já matou 3.003 pessoas na região, marca atingida neste sábado (28) após a confirmação de mais seis mortes -- quatro em São Bernardo e duas em Santo André.

Ao todo, a região tem 83.173 casos confirmados. São Bernardo, cidade com os maiores números da pandemia, registra 33.861 diagnósticos e 1.040 falecimentos, seguida por Santo André (23.493 positivos e 681 mortes), Diadema (10.894 confirmações e 504 perdas), Mauá (7.123 diagnósticos e 382 mortes), São Caetano (5.071 casos e 681 vítimas fatais), Ribeirão Pires (2.074 infectados e 106 óbitos) e Rio Grande da Serra (657 contaminados e 27 falecimentos). São 70.031 recuperados.

No Estado, 42.048 dos 1.238.094 pacientes infectados morreram, enquanto 1.084.660 foram recuperadas. O Ministério da Saúde contabiliza 6.238.350 diagnósticos, 171.974 vítimas fatais e 5.536.524 recuperados.

Leia reportagem especial amanhã, no caderno de Setecidades.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Região ultrapassa 3.000 mortes causadas pelo coronavírus

Marca foi atingida após prefeituras confirmarem mais seis óbitos neste sábado (28)

Flavia Kurotori
Do Diário do Grande ABC

28/11/2020 | 19:04


Enquanto países da Europa e os Estados Unidos passam pela segunda onda de infecção do novo coronavírus, o Brasil enfrenta mais um pico de casos, internações e óbitos. No Grande ABC, não é diferente. Ao mesmo tempo em que máscaras, álcool gel e o distanciamento físico se tornaram parte da rotina, o vírus já matou 3.003 pessoas na região, marca atingida neste sábado (28) após a confirmação de mais seis mortes -- quatro em São Bernardo e duas em Santo André.

Ao todo, a região tem 83.173 casos confirmados. São Bernardo, cidade com os maiores números da pandemia, registra 33.861 diagnósticos e 1.040 falecimentos, seguida por Santo André (23.493 positivos e 681 mortes), Diadema (10.894 confirmações e 504 perdas), Mauá (7.123 diagnósticos e 382 mortes), São Caetano (5.071 casos e 681 vítimas fatais), Ribeirão Pires (2.074 infectados e 106 óbitos) e Rio Grande da Serra (657 contaminados e 27 falecimentos). São 70.031 recuperados.

No Estado, 42.048 dos 1.238.094 pacientes infectados morreram, enquanto 1.084.660 foram recuperadas. O Ministério da Saúde contabiliza 6.238.350 diagnósticos, 171.974 vítimas fatais e 5.536.524 recuperados.

Leia reportagem especial amanhã, no caderno de Setecidades.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;